quinta-feira, 16 de junho de 2016

Propor e discutir

Cada vereador é livre para propor o que achar melhor, mas também deve ter o compromisso de trabalhar para ter uma ideia aprovada. Caso contrário pode parecer apenas um movimento para enganar a torcida.

Este caso da proposta de redução do número de vereadores em Tubarão por exemplo. Não é a primeira vez que se tenta isso. Agora o projeto do vereador João Fernandes (PSDB) que corta duas vagas, deve receber uma emenda de Lucas Esmeraldino (PSDB), propondo o corte de cinco vagas. Ou seja, dos atuais 17 passariamos a ter 12. Até aí tudo bem. Mas qual a possibilidade de isso ser aprovado?

Se diminuir para 15 vagas já estava difícil, imagine como vai ser passar para 12 e sem mexer no repasse do duodécimo. Então mais do que apresentar propostas que possam reduzir gastos, os autores também devem articular para que ela seja viável e passível de aprovação.

As propostas para cortar gastos no setor público são necessárias. Não dá mais viver no reino da fantasia como os poderes públicos vivem por aí. Mas também não se pode ficar apresentando propostas que servirão apenas para dizer: ‘eu fiz a minha parte, os outros é que não quiseram acompanhar’.

Vale lembrar que para valer nas eleições deste ano, o projeto de redução do número de vereadores tem que ser votado até a realização das convenções, cujo prazo vai até cinco de agosto. Se passar disso, só em 2020.

Continue lendo...

Lista reduzida

A situação dos pré-candidatos a prefeito de Jaguaruna começam a se definir nos últimos dias. O PSD tem Claudionor do Santos, o PMDB, que já teve oito pré-candidatos, tem agora Nado Contador como o principal nome e o PP que tinha dois pré-candidatos se definiu pelo vereador Alício Bitencourt. Será que os três vão estar na disputa de outubro? Bom aí já passa a ser outra conversa que vai se estender até o início de agosto com o prazo das convenções.

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors