quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Novidades na Câmara de Laguna

A Câmara de Vereadores de Laguna teve mudanças desde a semana passada sem o presidente Roberto Alves (PP) que tirou licença de 45 dias. O vice-presidente Silva Bombeiro (PR) passou a presidir a casa legislativa e o suplente do PP, Peterson Crippa, o Preto, assumiu uma cadeira. Preto é formado em Jornalismo pela Unisul, e já atuou na secretaria de Planejamento e Habitação.

Continue lendo...

Desincha a máquina

O sinal amarelo já pisca há muito tempo para as finanças das prefeituras. Por isso o vermelho não deve ser surpresa nenhuma. A crise econômica se reflete na baixa da arrecadação de impostos como ICMS e IPVA, e diminuição nos repasses do Fundo de Participação dos Municípios, o FPM, e Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, o Fundeb. Em Santa Catarina estima-se que a redução nos primeiro sete meses do ano passe dos R$ 180 milhões.

Sem dinheiro, o que mais temos visto são prefeitos anunciando medidas de contenção de gastos para tentar fechar as contas. A primeira preocupação é com a Lei de Responsabilidade Fiscal. O limite prudencial com a folha de pagamento é de 51% da arrecadação e se bater nos 54%, os municípios ficam sem crédito. Por isso o que mais se vê é corte nos cargos comissionados e até redução de salários.

O servidor de carreira, porém, passa a ficar preocupado com o pagamento do décimo terceiro. Se em anos anteriores havia até antecipação no meio do ano, agora paira a incerteza se ele virá até dezembro.

Já o cidadão, acaba sendo prejudicado com a redução nos atendimentos e a falta de investimentos em infraestrutura, segurança, saúde, educação e outros serviços públicos.

Diante desta penúria, quase todos os prefeitos tem recebido críticas sobre as gestões e quem pode disputar a reeleição, quase sempre aparece muito mal avaliado. Mas o problema é geral e certamente deve ser um dos temas da assembleia da Amurel que está programada para hoje à tarde. Uma choradeira coletiva!

Continue lendo...

Samu em discussão

A Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa realiza na próxima segunda-feira, (31/8) audiência pública para discutir o serviço oferecido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) em Santa Catarina. Conforme a presidente da comissão, deputada estadual Ana Paula Lima (PT), foram convidados para reunião prefeitos, secretários municipais de saúde e demais autoridades envolvidas com o Samu no estado. O objetivo da audiência, segundo a deputada, é discutir a situação do Samu, que oferece um importante serviço, mas que foi privatizado pelo governo estadual em Santa Catarina e não vem atendendo bem a população. Para Ana Paula o Samu deve voltar para a Secretaria de Estado da Saúde.

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors