quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Ajustes na BR-101

Os responsáveis pela duplicação da BR-101 e pela manutenção da rodovia devem ficar atentos à necessidade de sinalização de alguns pontos. Isso é uma situação urgente para que se evitem acidentes graves como que envolveu a família do professor e suplente de vereador Felipe Felisbino (PSDB).

Às vezes é muito fácil culpar os motoristas por algum tipo de infração, mas não é a primeira vez que se registra um acidente deste tipo por causa da fila que chega até o viaduto da Praia do Sol. No verão, uma família inteira de turistas argentinos perdeu a vida, quase nas mesmas condições.

Além das filas geradas pelo movimento intenso e atraso das obras, a grande reclamação dos motoristas é a falta de visibilidade que se tem neste viaduto. A curvatura prejudica quem dirige na rodovia e se depara com o trânsito parado. As colisões traseiras são frequentes.

Outro trecho perigoso fica no trevo de Laranjeiras, em Laguna. O desvio sinuoso surpreende os motoristas desavisados e principalmente os caminhoneiros. Nos últimos meses foram registrados diversos tombamentos. Novamente seria fácil dizer que há falta de respeito nos limites de velocidade, mas então que se reforcem os recursos para se evitem os acidentes.

A duplicação da BR-101 é para ser uma coisa boa, para se reduzir os acidentes e as fatalidades. É para poupar vidas. Que a obra se resolva logo e também que as falhas sejam corrigidas.

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors