quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Aereoporto: quase lá?

A nova vistoria de técnicos da TAM reforça as esperanças da região de ver o Aeroporto Regional Humberto Ghizzo Bortoluzzi funcionar. Eles estiveram ontem em Jaguaruna e segundo as informações que foram repassadas, as possibilidades da empresa atuar por aqui estão bem próximas de 100%.

O governo estadual se envolveu diretamente na questão e tem procurado atender as exigências necessárias para colocar o Aeroporto em funcionamento. Há muitos recursos investidos no negócio e hoje já se paga para que uma empresa faça a gestão do Aeroporto.

Ontem mesmo, um episódio vivenciado por passageiros aqui do Sul do Estado reforça o quanto um aeroporto moderno, com condições de receber grandes aeronaves e operar sob condições climáticas adversas faz falta para a região.

O voo da empresa Avianca, que saiu de Campinas com destino a Criciúma voltou a ter problemas. O pouso previsto para às 22h30min da noite acabou não acontecendo. O avião teve que arremeter na pista do Aeroporto Diomício Freitas por causa das condições climáticas desfavoráveis. Aos passageiros o piloto disse que não era a primeira vez que recebia informações fora da realidade. O avião acabou retornando a Campinas, São Paulo. Os passageiros passaram algumas horas num hotel e depois foram colocados num voo para o Aeroporto Hercílio Luz, em Florianópolis. Só chegaram a Criciúma, agora de manhã, e de ônibus.

É nestas horas que todos perguntam: quanto tempo mais vai demorar para o Aeroporto funcionar?

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors