quarta-feira, 31 de julho de 2013

Ideias mini

A Câmara dos Deputados quer votar em agosto uma minirreforma eleitoral que mais parece um pequeno reparo da pior qualidade possível. Uma das propostas deste Projeto de Lei, praticamente rasga a Lei da Ficha Limpa. Pelo texto, poderão se candidatar aqueles políticos que já tiveram contas de campanha rejeitadas pela Justiça Eleitoral, bastando apenas ter feito tudo dentro dos prazos.

Imagine se alguém vai se importar em prestar contas corretamente e informar devidamente os reais gastos de campanha. Se pelas regras atuais já se fala em sonegação de informações, com campanhas milionárias nas ruas apresentarem situações quase franciscanas, precisamos de mudanças que apertem ainda mais o cerco em torno dos candidatos corruptos.

Esta proposta é tão absurda que acaba ofuscando o pouco de bom que tem o projeto. Pela minirreforma teríamos mudanças no controle das doações que teriam de ser comprovadas por meio de extrato bancário ao invés dos recibos usados hoje em dia. Também haverá um prazo para a alteração de candidatos aos cargos majoritários. Atualmente isso pode ser feito na véspera, mesmo que seja impossível atualizar as informações na urna eletrônica.

Ainda se um candidato vencedor em eleições majoritárias for cassado, será feita uma nova eleição. Hoje isso só ocorre quando o eleito tem mais de 50% dos votos. E o projeto ainda propõe a liberação da pré-campanha nas redes sociais e páginas de candidatos acabando com muita polêmica já que a legislação atual só permite a divulgação após o anúncio oficial da candidatura.

Os parlamentares precisam entender que não precisamos de uma pequena reforma, mas sim de uma obra completa que traga mudanças significativas e eficientes.

Continue lendo...

Brincando de inaugurar aeroporto

O funcionamento do Aeroporto Regional de Jaguaruna deve demorar muito mais do que o previsto. Além de uma série de ações burocráticas para receber as autorizações da ANAC também serão necessárias obras de ampliação. Isso mesmo, o Aeroporto que apesar de inaugurado algumas vezes sem nunca receber voos, terá que aumentar a largura da pista e o terminal de passageiros. Um verdadeiro atestado de incompetência de nossos gestores públicos que construíram uma obra desta importância sem cumprir as exigências necessárias para funcionar.

Se o que este leitor anônimo enviou estiver correto sobre uma previsão (furada) de 90 dias, confira o caminho que terá de ser percorrido:
"1- O aeroporto não está homologado.
2- O equipamento NDB para pouso IFR não está homologado
3- O mesmo equipamento, licitado pelo governo do estado, desde 2008 já está na lista do DECEA para a sua DESATIVAÇÃO em todo o país em 2014. Em Forquilhinha já não se usa mais este sistema. Ou seja, não serve para nada.
4- Para ativar procedimentos GPS e homologar o aeroporto para pousos por instrumentos leva-se no mínimo 6 meses. Isso depois de o aeroporto estar homologado, o que não está! Então considere-se 1 ano.
5- Não pode operar por instrumentos sem um órgão de tráfego aéreo homologado. Considere isso de 6 meses a um ano.
6- Para homologar isso tudo, uma aeronave laboratório deve fazer voo de inspeção. Mais 6 meses pra isso!
7- Precisa ter os planos previstos pela Anac. A Anac precisa aprová-los. Isso é coisa de 1 ano.
8- Não tem bombeiros treinados para operação em aeroporto e nem equipamentos.
9- Nenhuma companhia aérea pode se instalar num aeroporto que não tenha todos os itens acima. A Anac não autorizaria suas propostas de rotas e operação.
10- O padrão da cerca do aeroporto não é o padrão certificado pela Organização de Aviação Civil Internacional. Deverá ser trocada. Quem pagará isso?
11- Não tem equipamentos e sistemas de meteorologia aeronáutica instalados e homologados.
12- Não tem luzes instaladas e homologadas para pouso noturno.
13- Não tem zona de proteção demarcada e homologada.
14- A pista tem 30 metros e enquadra-se exatamente na mesma categoria do aeroporto de Forquilhinha. Só é mais longa, o que nada significa pois ambas estão ao nível do mar. Isso quer dizer que: Esqueçam B737, 767, A320 ou qualquer outra aeronave que não seja o mesmo ATR72 que pousa todos os dias em Forquilhinha, pois esta é a aeronave limite permitida pela Anaca a operar em pistas de 30 metros de largura. Por que o Estado não fez uma pista mais curta com 45m? A ampliação não envolveria uma emenda asfáltica de 2600m de ambos os lados, como agora isso requer. Só seria uma ampliação de comprimento com uma emenda de 45 metros. Um verdadeiro Mamute Branco que, com muita vontade política, muita influência e muito dinheiro, quem sabe entre em operação em 2015 para fazer exatamente a mesma coisa que o aeroporto de Criciúma faz."

Continue lendo...

Frase do Dia

"Todo mundo tem dentro de si um fragmento de boas notícias. A boa notícia é que você não sabe quão extraordinário você pode ser! O quanto você pode amar! O que você pode executar! E qual é o seu potencial!"
Anne Frank, adolescente alemã de origem judaica, vítima do Holocausto, que morreu aos quinze anos de idade em um campo de concentração

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores