terça-feira, 23 de julho de 2013

Cenário pressionado

Em ano de véspera de eleições o governador Raimundo Colombo (PSD) anda pressionado pelos partidos aliados. A todo momento surgem informações de que este ou aquele partido vai pular fora do governo para trabalhar em outro projeto para as eleições de 2014. O governador já disse que não pode antecipar o ano eleitoral para 2013, pois precisa governar, e no que está correto, mas certamente vive pensando em alternativas para o caso de ficar na mão.

A única certeza que deve prevalecer para o próximo ano é o afastamento do PSDB. Colombo afirma a todo o momento que irá apoiar a reeleição da presidente Dilma Roussef (PT) por causa de toda atenção que o Estado tem recebido do Governo Federal. Fala-se até na integração do PT na aliança, possibilidade que é rejeitada pelos petistas catarinenses.

Com esta posição, o PSDB definiu que terá candidatura própria para dar palanque ao candidato a presidente. O senador mineiro Aécio Neves é o pré-candidato nacional e o senador Paulo Bauer, o pré-candidato ao governo estadual.

Na semana passada se falou na possibilidade do PP, que até agora demonstra aproximação com Colombo, coligar com o PSDB e indicar o candidato a vice-governador. Esta semana, a composição mais falada seria a adesão do PMDB ao projeto tucano, somando-se ainda o PSB que é inexpressivo no Estado, mas deve ganhar força com a chegada do deputado federal Paulo Bornhausen, hoje no PSD. A condição para isso seria que o candidato a presidente do PSDB tivesse como vice o governador pernambucano Eduardo Campos, do PSB. O deputado federal Mauro Mariani e o vice-governador Eduardo Moreira seriam os nomes do PMDB para encabeçar a chapa, tendo o ex-prefeito de Imbituba, Beto Martins, como vice.

PP e PT voltariam a ser as alternativas de Raimundo Colombo. Mas ainda falta um ano para tudo ser decidido e muitas situações vão influir nas decisões. Inclusive situações de cunho pessoal. Na sexta-feira, o vice-governador Eduardo Moreira perdeu a esposa, a tubaronense, Ivane Fretta Moreira, em complicações após uma cirurgia. Ontem, em entrevista à rádio Hulha Negra, de Criciúma, o ele disse que pode repensar o seu futuro político.

Continue lendo...

Multas eleitorais

Os partidos que integraram a Coligação Pra Frente Imbituba nas eleições de 2012 (PRB, PDT, PMDB, PSL, PTN, PR, PSDC, PHS, PMN, PTC, PSB, PV, PRP, PPL, PSD, PCdoB e PTdoB) estão inscritos como devedores de multas eleitorais na Procuradoria Geral da Fazenda Nacional. As 17 siglas tem multas que somam R$ 12.585,76. O não pagamento das multas não prejudicará o registro de futuras candidaturas, mas os partidos ficarão sem a Certidão de Quitação Eleitoral.

Continue lendo...

Saúde: vereadores criam Comissão para avaliar Postos

Na Sessão da Câmara desta segunda-feira os vereadores criaram uma Comissão Especial para avaliar as condições dos Postos de Saúde do município

Continue lendo...

Vistoria na BR-101

Uma comitiva de parlamentares e órgãos públicos realizaram uma vistoria na BR-101 no trecho sul. O objetivo é elaborar um documento que será entregue ao Ministério dos Transporte sobre o andamento das obras de duplicação da rodovia. As obras do Morro do Formigão seguem dentro do cronograma, mas no Morro dos Cavalos, a situação é preocupante

Continue lendo...

Frase do Dia

“O conhecimento é o processo de acumular dados; a sabedoria reside na sua simplificação.”
Martin H. Fischer, autor americano nascido na Alemanha

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores