terça-feira, 14 de maio de 2013

Sem fundo partidário

O diretório estadual do PRTB não apresentou as contas anuais, referentes às eleições de 2012, e por isso terá o repasse do Fundo Partidário suspenso por um ano. Já o diretório do PSD de Sangão teve a prestação de contas desaprovada e ficará sem as cotas do FP por seis meses.

Imbituba: suplente tem contas desaprovadas

Justiça Eleitoral concluiu a apreciação das contas dos candidatos de Imbituba nas eleições 2012. O segundo suplente de vereador do PMDB, Mario Cesar de Souza, teve as contas desaprovadas “devido à existência de impropriedades de natureza formal, que comprometeram a integridade e confiabilidade das contas prestadas” conforme despacho da juíza Naiara Brancher. Mário Cesar obteve 642 votos em outubro, mas já foi vereador, secretário da fazenda, e da saúde de Imbituba e foi o mais votado nas eleições de 2000, com 952 votos.

Uma pobreza de ideias

No último mês três grandes siglas em Santa Catarina tiveram problemas com a realização de suas convenções partidárias. PMDB, PSDB e agora PP prorrogaram mandatos, sofreram intervenções do diretório nacional e adiaram as convenções sem previsão concreta de quando vão ocorrer.

As situações evidenciam que os partidos estão divididos quanto aos rumos que desejam tomar nas eleições de 2014. E pior ainda, por mais que sonhem em conquistar o governo estadual não têm um projeto alternativo ou um nome que se apresente com possibilidade de vitória. Se tivessem esta figura salvadora tudo já estaria resolvido. Projeto neste caso é assunto secundário.

O irônico disso tudo é que PMDB, PSDB e PP fazem parte ou apoiam o governo estadual atual que desejam suceder. Então qual será o argumento que vão utilizar numa campanha eleitoral? O que vão apresentar como alternativa?

Os catarinenses sofrem com o atendimento na saúde. Os pequenos hospitais espalhados pelo estado fazem malabarismos para manter as portas abertas. Os deputados não se cansam de falar no assunto nas sessões da Assembleia Legislativa. Na educação os problemas abrangem a falta de estrutura de algumas escolas, greves de professores e agora mais recentemente o episódio da reenturmação. Só aí seriam dois pratos bem cheios para uma forte oposição.

O governador Raimundo Colombo (PSD), que pode ter todas as boas intenções do mundo, sofre também com a falta de recursos e com a queda na arrecadação. A receita precisa crescer em mais de R$ 260 milhões e os gastos precisam cair em mais de R$ 120 milhões. A folha de pagamento já passou do limite legal e quase nada sobra para investimentos.

O Pacto por Santa Catarina é a grande cartada para sair do marasmo e convencer os partidos aliados a continuarem juntos. É a grande aposta de um governo que não tem ousadia para cortar o que é desnecessário, e de uma oposição pobre de ideias para propor soluções.

Pouca oferta, poucos lucros

A estrutura hoteleira na maioria das cidades brasileiras está longe da ideal. É só programar algum evento de maior porte que os preços disparam. É a tal da lei da oferta e da procura. Mas se tivéssemos mais leitos, também não receberíamos mais hóspedes? Os preços nas alturas podem gerar maiores lucros, mas tarifas adequadas também poderiam ampliar os ganhos em escala.

Batizados

Está na Comissão de Viação e Transportes os Projetos de Lei que denominam o viaduto dos bairros São João e Morrotes e também do túnel do Morro do Formigão na BR-101, em Tubarão, de Prefeito Dilney Chaves Cabral e Willy Alfredo Zumblick, respectivamente. O autor dos PLs é o deputado federal Edinho Bez (PMDB), e o relator da comissão, deputado federal Mauro Mariani (PMDB) já emitiu parecer pela aprovação.

Rhumor do JBGuedes

Blog do Guedes - twitter.com/jbfguedes

Projetos aprovados

Os vereadores realizaram nesta segunda-feira mais uma sessão da câmara de Tubarão. Nesta noite foram aprovados três projetos de lei na ordem do dia

Frase do Dia

"A felicidade existe... Não fora de nós, onde em geral a procuramos; mas, dentro de nós, onde raras vezes a encontramos."
Humberto Rohden, filósofo, educador e teólogo catarinense

Categories

A Hora do Voto Acit Ada De Luca Aeroporto Regional Sul Alesc Amurel Arena Multiuso Armazém BR-101 Braço do Norte Brasília Câmara Capivari de Baixo Câmara de Braço do Norte Câmara de Criciúma Câmara de Grão-Pará Câmara de Gravatal Câmara de Imaruí Câmara de Imbituba Câmara de Jaguaruna Câmara de Laguna Câmara de Sangão Câmara de São Martinho Câmara de Tubarão Câmara dos Deputados Capivari de Baixo Carlos Stüpp CDL CDR Charge Debates DEM Deputados Desenvolvimento Diário do Sul Dilma Roussef DNIT Economia Edinho Bez Educação Eleições 1982 Eleições 1986 Eleições 1989 Eleições 1992 Eleições 1996 Eleições 1998 Eleições 2000 Eleições 2002 Eleições 2004 Eleições 2006 Eleições 2008 Eleições 2010 Eleições 2012 Eleições 2014 Facisc Governo Estadual Gravatal Imaruí Imbituba Impostos Indústria e Comércio IPTU Jaguaruna JBGuedes Joares Ponticelli Jorge Boeira José Nei Ascari Justiça Justiça Eleitoral Laguna Leis Meio Ambiente Obras Olávio Falchetti Partidos PCB PCdoB PCO PDS PDT Pedras Grandes PEN Pepê Collaço Pesca Pescaria Brava Pesquisas PHS PL PMDB PMDB Mulher PMN Política Porto de Imbituba PP PPA PPB PPL PPS PR PRB Prefeitos Prefeitura de Capivari de Baixo Prefeitura de Gravatal Prefeitura de Jaguaruna Prefeitura de Laguna Prefeitura de São Martinho Prefeitura de Tubarão Prefeituras Presídio Prona Propaganda partidária PRP PRTB PSB PSC PSD PSDB PSDC PSL PSOL PSPB PSTU PT PTB PTC PTdoB PTN PV Raimundo Colombo Rede Sustentabilidade Reforma Administrativa Reforma Eleitoral Reforma Política Reforma Tributária Reforma Universitária Rhumor Rio Tubarão Rizicultura Salários Saúde SDR de Braço do Norte SDR de Laguna SDR de Tubarão SDRs Segurança Senado Senadores Sociedade STF TCE TJ-SC Trânsito TRE Treze de Maio TSE Tubarão Turismo Unisul Unisul TV Vereadores