quinta-feira, 13 de dezembro de 2012

Acordo define presidência da Câmara de Vereadores

Encontro entre as lideranças das bancadas do PMDB, PSD e PP, donos de 10 votos, definiu a divisão dos mandatos da Câmara de Vereadores de Tubarão para a próxima gestão. O PSDB ficou excluido da composição.

Pelo que ficou acordado o PMDB ficará com dois anos e PSD e PP ficam com um ano de presidência cada um. O indicativo inicial é de que Edson Firmino (PMDB) seja o primeiro presidente, mas também há possibilidade de Jairo Cascaes (PSD) comandar a casa em 2013. O outro mandato do PMDB será do vereador Evandro Almeida e o PP indicará Zaga Reis.

A informação do acordo foi contestada esta manhã pelo vereador Jairo Cascaes. Ele argumenta que as discussões ainda continuam com o objetivo de ter a participação de todas as siglas. Como são seis partidos com representação na próxima legislatura é certo que alguns irão sobrar.

Continue lendo...

R$ 6,8 milhões para a Câmara de Vereadores em 2013

Sessão extraordinária da Câmara de Vereadores de Tubarão acabou aprovando o orçamento com o repasse de 5,5%, referentes ao duodécimo destinado ao poder legislativo. O índice corresponderá a R$ 6,8 milhões de reais que serão repassados pela prefeitura para a Câmara. Para muitos o valor é suficiente para as despesas, para outros o custo ainda é muito alto.

Vale lembrar que em 2013 serão 17 vereadores, hoje são dez, que terão cada um três assessores, num total de 51. Os eleitos pela população que assumem em 1º de janeiro vão ter que trabalhar para dar gerir bem os recursos e dar bom exemplo.

Os trabalhos desta manhã foram seguidos de uma segunda sessão extraordinária, a primeira atrasou meia hora e durou 15 minutos. Na segunda convocação Caio Tokarski (PSD) apresentou relatório da CEI que investigou as obras do Centro de Zoonoses. A conclusão é que não houve superfaturamento dos aditivos e sim erro na publicação dos dados. A obra teve acréscimo de 23,4% dos recursos e não 123,4% como se pensava. O vereador Edson Firmino (PMDB) também apresentou relatório do movimento sobre a lentidão do trânsito na BR-101 devido às obras de duplicação.

Continue lendo...

PR pede nova liminar

Reportagem do Diário do Sul de hoje informa que o PR vai pedir nova liminar para a não diplomação dos dois vereadores envolvidos em investigação que apura o fechamento de um posto de gasolina ocorrida na véspera da eleição. O vereador Edson Firmino (PMDB) diz que continua tranquilo com a prestação de contas e Lucas Esmeraldino (PSDB) disse que só vai se manifestar publicamente quando do processo estiver encerrado.

Leia mais...
Nova liminar é pedida por partido

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores