segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Stüpp ganha direito de resposta no horário eleitoral

O candidato a prefeito de Tubarão Carlos Stüpp (PSDB) terá direito a um minuto de direito de resposta dentro do programa eleitoral do candidato Pepê Collaço (PSD). O tempo deverá ser usado nos programas desta quarta-feira, 26/9, de acordo com decisão da Juíza Eleitoral Cleusa Maria Cardoso.

Stüpp pediu direito de resposta sobre afirmações feitas em dois programas eleitorais, dos dias 17/9 e 19/9, em que foram veiculadas “informações sabiamente inverídicas, com relação ao já comentado Convênio celebrado entre o Município de Tubarão com o DNIT para retirada dos trilhos da Avenida Marcolino Martins Cabral” e “está acionado na justiça o ex-prefeito para que ele devolva o valor atualizado de dois milhões e duzentos mil reais aos cofres públicos”.

A juíza entendeu que somente a segunda afirmação foi ofensiva e por isso concedeu um minuto de direito de resposta.

Nota atualizada às 10:54 (25/9/12):
Nova comunicação do Cartório Eleitoral confirmou que o cumprimento da decisão deverá ser feito na quarta-feira, 26/9, dia de exibição das propagandas majoritárias. A primeira comunicação dava conta de que o cumprimento seria na nesta terça-feira, 25/9

Continue lendo...

Contra os números e o tempo

A divulgação de mais uma pesquisa eleitoral no sábado consolidou o quadro atual em Tubarão. Durante a semana foram publicadas outras pesquisas com o claro objetivo de confundir o eleitor e desacreditar o trabalho realizado pelos jornais. Mas os números do Diário do Sul, semelhantes aos dos Notisul, confirmam a situação do momento: liderança de Olavio Falchetti (PT) acima dos 40%, empate técnico entre Carlos Stupp (PSDB) e Edinho Bez (PMDB) na faixa de 17% e Pepê Collaço (PSD) com 9%.

Se há algum número para ser contestado a dúvida é apenas com o segundo colocado. Na pesquisa IPC, do jornal Notisul, Edinho é o segundo com seis pontos de vantagem, e na pesquisa Mapa, do Diário do Sul, Stupp figura em segundo com menos de dois pontos de diferença.

Mas a pergunta que fica após este fim de semana é se a quinze dias da eleição ainda há espaço para uma virada do quadro. Desde que os nomes dos candidatos ficaram definidos a preferência do eleitor, manifestada nas pesquisas, não mudou. O número de indecisos vai diminuindo e o tempo também.

Números altíssimos de rejeição também poderiam explicar as dificuldades que as candidaturas tem revelado para mudar a situação. Em média, Edinho, Stupp e Pepê tem índices acima de 20%.

Interessante mesmo, seria saber porque o eleitor não quer de volta o ex-prefeito, não quer votar num parlamentar de seis mandatos ou ainda não quer manter o atual prefeito. Teria sido uma estratégia equivocada a divisão dos partidos que integram a tríplice aliança em nível estadual? Como ninguém ganha antes da hora, os próximos dias prometem ser de muito trabalho para as equipes de campanha.

Continue lendo...

Reflexo do momento

Os dois candidatos a prefeito de Capivari de Baixo, Luiz Carlos Brunel Alves (PMDB) e Moacir Rabelo (PP) fizeram, na Unisul TV, um debate bastante acirrado e com troca de farpas. Como os dois já foram prefeitos tivemos muitas comparações entre os mandatos. O programa não foi nada mais do que um termômetro de como está a campanha no município. Por lá, nem pesquisa é divulgada tamanha é a instabilidade das preferências. Difícil dizer quem está na frente e expectativa de uma eleição definida com pequena diferença de votos.

Continue lendo...

Rhumor do JBGuedes

twitter.com/jbfguedes - guedesjb.blogspot.com

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors