quarta-feira, 6 de junho de 2012

Plano de saneamento na campanha

No Dia Mundial do Meio Ambiente, um evento realizado pelo curso de Agronomia da Unisul chamou a atenção para os problemas de drenagem urbana de Tubarão. Um dos convidados do seminário, foi o engenheiro civil Luiz Alberto Duarte que falou sobre o Plano Municipal de Água e Esgoto (PMAE), aprovado na última semana pela Câmara Municipal de Tubarão. Ele é o responsável pela empresa que venceu a licitação para elaborar o trabalho e disse que a situação é uma das mais críticas de Santa Catarina.

O engenheiro não fez críticas a nenhuma gestão específica da cidade. Não culpou nenhum ex-prefeito ou atual, mas lembrou que o assunto foi ignorado ao longo dos anos, sem uma cobrança mais efetiva da sociedade.

Sim, porque se os políticos não tratam o assunto como deveriam, a sociedade em geral deveria cobrar uma ação para resolver e prevenir problemas maiores.

Por exemplo, ao se falar em drenagem urbana, deve-se ligar o assunto diretamente a enchentes e alagamentos. A cidade não pode esquecer a tragédia de 1974. Mas infelizmente, muitas das áreas que ficaram submersas na grande enchente hoje estão urbanizadas e habitadas sem o devido cuidado para que os mesmos problemas não aconteçam.

Duarte disse que alguns bairros foram construídos sobre zonas de acomodação de águas e que é preciso conhecer de fato o território da cidade refazendo os levantamentos topográficos, considerados por ele como falhos.

O plano de saneamento compreende ainda as áreas de água, esgoto e resíduos sólidos. Para a elaboração dele foram realizadas reuniões comunitárias e audiências públicas. Foram oito meses de trabalho e agora após concluído e aprovado caberá ao governo municipal colocá-lo em prática. Provavelmente o próximo prefeito. A estimativa de investimento para a execução do plano é de R$ 78 milhões.

Este é um assunto que precisa estar na pauta da campanha eleitoral. Quem pretende administrar a cidade e prepará-la para o futuro precisa apresentar uma proposta concreta de como fazer e o eleitor precisa cobrar isso.

Rhumor do JBGuedes

twitter.com/jbfguedes - guedesjb.blogspot.com

Categories

A Hora do Voto Acit Ada De Luca Aeroporto Regional Sul Alesc Amurel Arena Multiuso Armazém BR-101 Braço do Norte Brasília Câmara Capivari de Baixo Câmara de Braço do Norte Câmara de Criciúma Câmara de Grão-Pará Câmara de Gravatal Câmara de Imaruí Câmara de Imbituba Câmara de Jaguaruna Câmara de Laguna Câmara de Sangão Câmara de São Martinho Câmara de Tubarão Câmara dos Deputados Capivari de Baixo Carlos Stüpp CDL CDR Charge Debates DEM Deputados Desenvolvimento Diário do Sul Dilma Roussef DNIT Economia Edinho Bez Educação Eleições 1982 Eleições 1986 Eleições 1989 Eleições 1992 Eleições 1996 Eleições 1998 Eleições 2000 Eleições 2002 Eleições 2004 Eleições 2006 Eleições 2008 Eleições 2010 Eleições 2012 Eleições 2014 Facisc Governo Estadual Gravatal Imaruí Imbituba Impostos Indústria e Comércio IPTU Jaguaruna JBGuedes Joares Ponticelli Jorge Boeira José Nei Ascari Justiça Justiça Eleitoral Laguna Leis Meio Ambiente Obras Olávio Falchetti Partidos PCB PCdoB PCO PDS PDT Pedras Grandes PEN Pepê Collaço Pesca Pescaria Brava Pesquisas PHS PL PMDB PMDB Mulher PMN Política Porto de Imbituba PP PPA PPB PPL PPS PR PRB Prefeitos Prefeitura de Capivari de Baixo Prefeitura de Gravatal Prefeitura de Jaguaruna Prefeitura de Laguna Prefeitura de São Martinho Prefeitura de Tubarão Prefeituras Presídio Prona Propaganda partidária PRP PRTB PSB PSC PSD PSDB PSDC PSL PSOL PSPB PSTU PT PTB PTC PTdoB PTN PV Raimundo Colombo Rede Sustentabilidade Reforma Administrativa Reforma Eleitoral Reforma Política Reforma Tributária Reforma Universitária Rhumor Rio Tubarão Rizicultura Salários Saúde SDR de Braço do Norte SDR de Laguna SDR de Tubarão SDRs Segurança Senado Senadores Sociedade STF TCE TJ-SC Trânsito TRE Treze de Maio TSE Tubarão Turismo Unisul Unisul TV Vereadores