terça-feira, 16 de agosto de 2011

Saúde: mutirão precisa de ajustes

O Governo do Estado pretende iniciar em breve mutirão de cirurgias eletivas para tirar o cidadão da fila de espera. Na região, vários hospitais vão estar à disposição para que os municípios possam encaminhar os pacientes. Em Tubarão, o Hospital Nossa Senhora da Conceição só vai realizar cirurgia dos olhos alegando falta de pagamento do Estado.

Lamentável esta situação. E o pior, como é que deixaram ficar assim?

Culpa do Hospital Nossa Senhora da Conceição não estar 100% na campanha? Claro que não. Culpa de quem não paga o que deve, no caso o Estado, e que não cumpre com as obrigações constitucionais.

Ninguém quer ficar doente, com certeza. Quem não pode pagar pelos serviços de saúde sabe o quanto é doloroso aguardar na fila. Em alguns casos a espera é de dois anos. Em alguns casos, quem está doente não consegue esperar dois anos. Morre antes.

A medida do Estado de fazer o mutirão é uma clara tentativa de amenizar a situação. Mas para o problema das instituições de saúde que oferecem o serviço, parece que não se encontrou solução.

Têm recursos atrasados para receber e muitas também não estão satisfeitas com os valores que serão pagos pelas cirurgias. Secretaria Estadual de Saúde, que já está com campanha publicitária nas ruas, e as secretarias municipais também precisam se entender. Quem vai cuidar da fila, por exemplo? Está um jogo de empurra-empurra em que só o cidadão perde, ou melhor, espera.

Mas a pergunta que fica mesmo é como vai ficar a população de Tubarão e região? Não temos muitos hospitais públicos por aqui e um dos que oferece o atendimento só vai participar de um tipo de cirurgia. A fila, pelo jeito, só vai aumentar.

Recursos para as câmeras

O município de Imbituba instalou as câmeras de segurança antes de Tubarão. E antes ainda de Tubarão inaugurar uma única câmera, Imbituba anunciou a ampliação do sistema. Um dos motivos de o projeto sair do papel primeiro por lá do que aqui, foi a capacidade do município de investir no projeto.

Pois se faltam recursos para a cidade investir, surge agora a possibilidade de buscá-los no Ministério da Justiça que lançou edital de R$ 31 milhões para financiar ações de prevenção da violência e da criminalidade. As cidades interessadas terão até o dia 10 de setembro para se cadastrar no Sistema de Convênios do Governo Federal. O valor mínimo dos projetos é de R$ 100 mil. O ‘caminho das pedras’ foi lembrado pelo vereador Dionísio Bressan Lemos (PP) na sessão da Câmara desta segunda-feira. Não custa nada tentar.

Cumprimentos antes da hora

O vereador tubaronense João Fernandes (PSDB) pediu na sessão de ontem que fosse enviada uma Moção de Cumprimentos aos vereadores de Criciúma pela aprovação do número mínimo de vagas por lá. Acontece que no momento em que era realizada a sessão de Tubarão, os vereadores criciumenses aprovavam 17 vagas, número superior ao mínimo de 15, e igual ao que terá Tubarão a partir de 2012. Fernandes terá de rever os cumprimentos.

Plano de água e esgoto

Em sessão da Câmara de Vereadores de Tubarão, os representantes da casa receberam os membros agência reguladora das Águas de Tubarão. Foi apresentado o edital do plano municipal de água e esgoto, além do balanço das ações e as metas para o segundo semestre

Plano de Cargos e Salários dos Servidores Públicos Municipais

O Plano de Cargos e Salários da Prefeitura de Tubarão foi apresentado aos servidores públicos municipais

Rhumor do JBGuedes

twitter.com/jbfguedes - guedesjb.blogspot.com

Pauta da Assembleia Legislativa, 16/8

1– Audiência Pública da CCJ para debater a PEC 07/11 e o PL 236/11 Local: Plenário Deputado Osni Régis Horário: 9h

2 – Sessão ordinária Local: Plenário Deputado Osni Régis Horário: 14h

3 – Programa de Enfrentamento ao Bullying Escolar – Escola do Legislativo Deputado Lício Mauro da Silveira Local: Forquilhinha (período vespertino) e Meleiro (período noturno)

Categories

A Hora do Voto Acit Ada De Luca Aeroporto Regional Sul Alesc Amurel Arena Multiuso Armazém BR-101 Braço do Norte Brasília Câmara Capivari de Baixo Câmara de Braço do Norte Câmara de Criciúma Câmara de Grão-Pará Câmara de Gravatal Câmara de Imaruí Câmara de Imbituba Câmara de Jaguaruna Câmara de Laguna Câmara de Sangão Câmara de São Martinho Câmara de Tubarão Câmara dos Deputados Capivari de Baixo Carlos Stüpp CDL CDR Charge Debates DEM Deputados Desenvolvimento Diário do Sul Dilma Roussef DNIT Economia Edinho Bez Educação Eleições 1982 Eleições 1986 Eleições 1989 Eleições 1992 Eleições 1996 Eleições 1998 Eleições 2000 Eleições 2002 Eleições 2004 Eleições 2006 Eleições 2008 Eleições 2010 Eleições 2012 Eleições 2014 Facisc Governo Estadual Gravatal Imaruí Imbituba Impostos Indústria e Comércio IPTU Jaguaruna JBGuedes Joares Ponticelli Jorge Boeira José Nei Ascari Justiça Justiça Eleitoral Laguna Leis Meio Ambiente Obras Olávio Falchetti Partidos PCB PCdoB PCO PDS PDT Pedras Grandes PEN Pepê Collaço Pesca Pescaria Brava Pesquisas PHS PL PMDB PMDB Mulher PMN Política Porto de Imbituba PP PPA PPB PPL PPS PR PRB Prefeitos Prefeitura de Capivari de Baixo Prefeitura de Gravatal Prefeitura de Jaguaruna Prefeitura de Laguna Prefeitura de São Martinho Prefeitura de Tubarão Prefeituras Presídio Prona Propaganda partidária PRP PRTB PSB PSC PSD PSDB PSDC PSL PSOL PSPB PSTU PT PTB PTC PTdoB PTN PV Raimundo Colombo Rede Sustentabilidade Reforma Administrativa Reforma Eleitoral Reforma Política Reforma Tributária Reforma Universitária Rhumor Rio Tubarão Rizicultura Salários Saúde SDR de Braço do Norte SDR de Laguna SDR de Tubarão SDRs Segurança Senado Senadores Sociedade STF TCE TJ-SC Trânsito TRE Treze de Maio TSE Tubarão Turismo Unisul Unisul TV Vereadores