quarta-feira, 20 de julho de 2011

BR-101: já passou da hora

Os escândalos no Ministério dos Transportes só aumentam a desconfiança da população em relação ao término das obras da BR-101. Sabe aquele ditado que diz que “pior do que está não pode ficar”? Pois no caso da BR-101 fica sim. Já não bastassem a lentidão das obras, o não cumprimento de prazos, as promessas não cumpridas, a inauguração de trechos de forma politiqueira, a baixa qualidade dos serviços prestados, os gargalos quem ninguém tem prazo ou solução prevista, ainda vem um escândalo desses de muita, mas muita corrupção no Ministério dos Transportes.

Os fatos que estão sendo divulgados só ajudam a explicar o motivo de tanta irresponsabilidade com uma obra tão importante. Mudar o quadro atual, nem pensar. A própria ministra das Relações Institucionais, Ideli Salvatti (PT), admite que nada muda.

O que está ocorrendo nesta obra, além de ser um grande atestado de incompetência dos burocratas que habitam os gabinetes do governo é também uma grande irresponsabilidade. Deveria haver alguma punição para quem trata das coisas públicas desta forma.

É claro que os tais políticos não estão nem aí com o que está acontecendo. Eles não rodam por estas estradas. Quando dizem que farão alguma vistoria, no máximo observam tudo do alto e tem a cara de pau de dizer que o ritmo é satisfatório e logo tudo estará resolvido. Pura balela.

As vistorias deveriam ser feitas pelo chão, à noite e em dia de chuva. Aí sim eles iriam sentir na pele o que sente o cidadão comum que é obrigado a arriscar a vida diariamente nesta roleta russa que é dirigir numa rodovia em obras e muito, mas muito mal sinalizada.

Se um cidadão comum comete alguma irregularidade numa obra feita em casa, deve prestar contas aos órgãos fiscalizadores. E com a BR-101, Ministério Público Federal, Crea, prefeituras, sindicatos, movimentos populares, será que ninguém pode fazer nada? Já passou da hora.

Continue lendo...

Mais problemas para os rizicultores

Os rizicultores não param de contabilizar prejuízos e novos obstáculos à atividade. Com o preço nos calcanhares o problema agora é a exigência de licenciamento ambiental feita pela Fundação do Meio Ambiente (Fatma) em Santa Catarina para o plantio de arroz irrigado que está impedindo que os agricultores habilitem-se ao crédito para o plantio de arroz na Safra 2011/2012.

Continue lendo...

PT catarinense fará campanha de filiação

O diretório estadual do PT está promovendo uma campanha de filiação com a meta de dobrar o número de filiados até as eleições de 2012. O presidente estadual José Fritsch destaca a filiação de mulheres e da juventude. Ele diz que a meta de cada município será dobrar o número, “mas alguns vão triplicar ou até quadruplicar. São pessoas que vão finalizar o processo de filiação, outras que têm interesse em participar e não sabiam como fazer. Há quatro ou cinco anos o PT não fazia este chamado, acredito que teremos um bom resultado”, projeta Fritsch.

Continue lendo...

Circula no legislativo - assistente social

Tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 264/11, do deputado Marçal Filho (PMDB/MS), que institui piso salarial para o assistente social. A jornada de oito horas diárias e 44 semanais, de acordo com o projeto, deverá ser remunerada por R$ 960, no mínimo, a preços de junho de 2008. Esse valor será reajustado no mês da publicação da lei, conforme a variação acumulada do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

A proposta é idêntica ao PL 4022/08, do ex-deputado Jorginho Maluly, que foi arquivado no fim da legislatura passada, pelo fato de sua tramitação não ter sido concluída. Em 2009, a Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público aprovou proposta de piso salarial de R$ 3.720 para os assistentes sociais (na época, o equivalente a oito salários mínimos), rejeitando o valor proposto por Maluly.

Continue lendo...

Rhumor do JBGuedes

twitter.com/jbfguedes - guedesjb.blogspot.com

Continue lendo...

Agenda do Governador, 20/7

9:00 - SOLENIDADES
- Assinatura de convênio com o Hospital Santa Isabel para reforma e ampliação da UTI (20 novos leitos). Valor: R$1.200.000,00. Valor total da Obra: R$3.200.000,00.
- Assinatura de convênio com o Hospital Santo Antônio para auxílio e custeio dos serviços de saúde. Valor: R$3.193.323,00.
- Assinatura de convênio entre o BADESC e Prefeitura de Luiz Alves para empréstimo de R$1.000.000,00 para obras de pavimentação asfáltica de trecho da Rua Alída Bressanini.
- Assinatura de convênio entre o BADESC e Prefeitura de Ilhota para empréstimo de R$500.000,00 para obras de infraestrutura e serviços públicos de pavimentação e drenagem pluvial.
- Convênio da Junta Comercial e ACIB.
- Assinatura de convênio com a Prefeitura de Blumenau para repasse de verba do Fundo Social para realizar desapropriações para Sistema Viário.
Local: SDR - Blumenau.

12:30 - Reuniões e Visitas - SDR Joaçaba, conforme programação da Secretaria do Planejamento.

20:00 - SOLENIDADE
Abertura Oficial da 29ª Edição do Festival de Dança de Joinville.
Local: Centro de Eventos Cau Hansen - Joinville.

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors