segunda-feira, 20 de junho de 2011

“PT precisa acertar na estratégia”, diz Paludo

A decisão do PT de Tubarão de acompanhar a decisão do presidente municipal da sigla, Olávio Falchetti, de não realizar coligações para as eleições 2012, gera desdobramentos no processo pré-eleitoral da cidade. Cedo demais? Radical demais? Confiante demais? Pois esta posição gerou também a curiosidade de saber o que a direção estadual da sigla pensa sobre o tema. Na entrevista abaixo feita por e-mail, o secretário geral do diretório estadual José Roberto Paludo esclarece que as diretrizes partidárias para o próximo ano ainda não foram definidas e que o andamento do processo, que ainda está em construção, é que deverá dizer se é melhor chapa pura ou não. Porém ele também acredita que seja possível uma vitória sem coligação. “O PT tem experiências de ser a ‘bola da vez’ e perder eleições porque se aliou com antigos adversários”, diz.

BRM - O PT de SC já tem diretrizes definidas para as eleições de 2012 quanto ao tema coligações?
José Roberto Paludo -
O PT está na fase de diagnóstico para as eleições 2012. Estamos promovendo reuniões em todas as regiões do Estado (agora são 33 regionais) e estamos perguntando aos presidentes municipais sobre candidatura própria ou coligações e chapa de vereadores. Com base nessas informações faremos um planejamento no dia 9 de julho.

BRM - A dúvida surge pelo fato de Tubarão já ter definido que novamente vai disputar o pleito com chapa pura. Decidir isso agora pode ser considerado muito cedo?
JRP - Os municípios têm grande autonomia para tomar essas decisões, especialmente em se tratando de chapa pura. Nossa maior preocupação é evitar alianças amplas, fora dos critérios partidários (ainda por definir), porém, chapa petista é sempre bem vinda. Sabemos que taticamente, quem é oposição deve colocar a pré-campanha na rua mais cedo, mas com o cuidado para não cometer ilegalidades, nem desgastar os candidatos. No caso específico de Tubarão, temos um nome que foi muito bem votado para deputado estadual em 2010 e poderá ser um forte candidato no próximo ano. Porém, o PT estadual definirá um calendário oficial para tomar as decisões, que será apenas no ano que vem, neste ano possivelmente iremos mobilizar apenas os municípios onde poderão ocorrer prévias.

BRM - Respeitando é claro, a autonomia do diretório municipal, poderá haver algum tipo de recomendação aos petistas tubaronenses?
JRP - A recomendação é apenas que não cometam ilegalidade e tomem cuidado para não desgastar o Partido, nem o possível candidato ou candidatos. Porém, isto não tem como prever com precisão, somente colocando o Partido para funcionar, preparar-se, mobilizar a militância, então o saldo será positivo.

BRM - O PT de Tubarão tem no momento um pré-candidato (Olávio Falchetti) que lidera as pesquisas, mas a história e o modelo político atual mostram que sozinha uma sigla enfrenta dificuldades na disputa eleitoral. Você acredita que este tipo de argumento poderá fazer Falchetti mudar de ideia?
JRP - Acho que é a vez do companheiro Olávio ser o prefeito de Tubarão a partir de 2013 e o PT precisa acertar na estratégia para isso. Devemos fazer pesquisa, debater a estratégia, fazer planejamento e ir construindo as condições para sermos vitoriosos. Este processo deverá nos dizer se o melhor é disputar com ou sem alianças. Assim como normalmente um partido não vence eleições sem alianças, o PT tem experiências de ser a "bola da vez" e perder eleições porque se aliou com antigos adversários. Enfim, deve ser um tema em construção.

BRM - Você considera possível nos dias de hoje vencer uma eleição sem uma forte coligação?
JRP - Sim, é possível. Em política quase tudo é possível, mas depende da combinação de muitos fatores. Pelos resultados práticos a regra é coligar para ganhar, mas pode sim haver exceções, porém, repito, depende da combinação de muitos fatores que se pode controlar e outros que não se tem controle, mas pode-se saber aproveitar os erros dos adversários.

Rhumor - JBGuedes

twitter.com/jbfguedes - guedesjb.blogspot.com

Ordem do dia Câmara de Vereadores de Tubarão, 20/6

Os Vereadores de Tubarão estarão reunidos nesta segunda-feira, 20 de junho, em seu horário regimental das 19 horas.

Na pauta desta Sessão está prevista a deliberação do PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N° 032/2011 de autoria do Ver. Evandro Souza de Almeida, que dispõe sobre o benefício de meia entrada em espetáculos públicos para estudantes em Tubarão e revoga a Lei nº 1.992/96. Este projeto em sua primeira votação.

Porto de Imbituba recebe novos investimentos

Com um valor estimado de R$ 440 milhões para investir em Imbituba a Santos Brasil, empresa responsável pelo porto, recebeu no sábado (18/6) um novo equipamento para tornar viável a atracação de grandes navios e possibilitar futuros investimentos

Ordem do dia Câmara de Vereadores de Imaruí, 20/6

MATÉRIA DO PODER EXECUTIVO PARA SEGUNDA DISCUSSÃO E DELIBERAÇÃO
Projeto de Lei nº. 030/2011, de 14 de abril de 2011, “Dispõe sobre as Diretrizes para a elaboração da Lei Orçamentária do exercício de 2012, e dá outras providências”. (Acompanhado de Parecer)

Agenda do Governador, 20/6

17:00
SOLENIDADE
-Abertura oficial da EXPOSUPER 2011 - Feira de Produtos e Serviços para
Supermercados e Convenção Catarinense de Supermercadistas.
-Entrega do Título de Sócio Honorário da Associação Catarinense de
Supermercados - ACATS ao Governador.
Local: Complexo Expoville - Joinville.

18:30
VISITA
AJORPEME - Associação de Joinville e Região da Pequena, Micro e Média
Empresa
Local: Rua Urussanga, 292 - Bucarein - Joinville.
Contato: (47) 2101-4100 AJORPEME.

19:30
SOLENIDADE/JANTAR
Posse dos Membros da Diretoria e dos Conselhos, dos Presidentes dos
Núcleos e Coordenadores da Gestão Compartilhada da Associação Comercial e
Industrial de Joinville (ACIJ).
Local: Sociedade Harmonia Lyra, Rua XV de Novembro - Centro - Joinville.

Pauta da Assembleia Legislativa, 20/6

Reunião extraordinária da Comissão de Transportes
Local: Sala de Imprensa
Horário: 9h30min
Em pauta: Deputado Valmir Comin (PP), presidente da comissão, e o deputado federal Edson Bez (PMDB) apresentam relatório do DNIT sobre obras na BR - 101 trecho sul

Categories

A Hora do Voto Acit Ada De Luca Aeroporto Regional Sul Alesc Amurel Arena Multiuso Armazém BR-101 Braço do Norte Brasília Câmara Capivari de Baixo Câmara de Braço do Norte Câmara de Criciúma Câmara de Grão-Pará Câmara de Gravatal Câmara de Imaruí Câmara de Imbituba Câmara de Jaguaruna Câmara de Laguna Câmara de Sangão Câmara de São Martinho Câmara de Tubarão Câmara dos Deputados Capivari de Baixo Carlos Stüpp CDL CDR Charge Debates DEM Deputados Desenvolvimento Diário do Sul Dilma Roussef DNIT Economia Edinho Bez Educação Eleições 1982 Eleições 1986 Eleições 1989 Eleições 1992 Eleições 1996 Eleições 1998 Eleições 2000 Eleições 2002 Eleições 2004 Eleições 2006 Eleições 2008 Eleições 2010 Eleições 2012 Eleições 2014 Facisc Governo Estadual Gravatal Imaruí Imbituba Impostos Indústria e Comércio IPTU Jaguaruna JBGuedes Joares Ponticelli Jorge Boeira José Nei Ascari Justiça Justiça Eleitoral Laguna Leis Meio Ambiente Obras Olávio Falchetti Partidos PCB PCdoB PCO PDS PDT Pedras Grandes PEN Pepê Collaço Pesca Pescaria Brava Pesquisas PHS PL PMDB PMDB Mulher PMN Política Porto de Imbituba PP PPA PPB PPL PPS PR PRB Prefeitos Prefeitura de Capivari de Baixo Prefeitura de Gravatal Prefeitura de Jaguaruna Prefeitura de Laguna Prefeitura de São Martinho Prefeitura de Tubarão Prefeituras Presídio Prona Propaganda partidária PRP PRTB PSB PSC PSD PSDB PSDC PSL PSOL PSPB PSTU PT PTB PTC PTdoB PTN PV Raimundo Colombo Rede Sustentabilidade Reforma Administrativa Reforma Eleitoral Reforma Política Reforma Tributária Reforma Universitária Rhumor Rio Tubarão Rizicultura Salários Saúde SDR de Braço do Norte SDR de Laguna SDR de Tubarão SDRs Segurança Senado Senadores Sociedade STF TCE TJ-SC Trânsito TRE Treze de Maio TSE Tubarão Turismo Unisul Unisul TV Vereadores