terça-feira, 23 de novembro de 2010

A disputa é por cargos, não por projetos

Com novos governantes a partir de 1º de janeiro, novas equipes estão sendo formadas. Mesmo que os governos sejam de continuidade muitas peças do tabuleiro político são movimentadas nessa hora. E o lobby para garantir nomeações também é grande.

São milhares de cargos de primeiro, segundo, terceiro, quarto e tantos outros escalões. Quanto maior o orçamento do setor mais acirrada é a disputa. Partidos dos eleitos e partidos aliados tentam de todas as formas indicar nomes quase até como produtos.

Mas como eu disse no começo. Chega a ser deprimente. Nomes que foram eleitos para a câmara federal ou assembleia legislativa buscam indicações para ministérios e secretarias. Outros que foram derrotados e ficaram sem mandatos também buscam uma maneira de se manter em evidência, de olho, é claro, na próxima eleição. Suplentes também pleiteiam uma vaguinha, afinal de contas, colocaram a cara no poste.

Em Santa Catarina temos ainda as secretarias regionais, que mesmo com praticamente nenhum orçamento, também são cobiçadas por diferentes partidos e até mesmo correligionários da mesma sigla.

Mas será que antes de se discutir os nomes não deveria ser definido qual o projeto que cada área precisa executar? Do que adianta um nome, sem uma proposta de trabalho? Quais seriam, por exemplo, as principais metas da nossa região? E definidas estas metas, qual seria a pessoa mais indicada para liderar o processo?

Infelizmente não funciona assim e dessa forma o tempo vai passando. Sem mudar a atitude, nem precisa trocar os nomes.

Continue lendo...

MPF identifica fraudes na Festa da Baleia Franca 2005

Cento e oito refeições para três pessoas em três dias, cachês e premiações superfaturadas e irregularidades que chegam a quase 50% dos recursos recebidos. Foi o que o Ministério Público Federal de Santa Catarina apurou sobre a edição de 2005 Festa da Baleia Franca, realizada em Imbituba e que agora será objeto de ação penal.

O fato é mais um exemplo de como algumas entidades recebem recursos públicos para a realização de projetos e apresentam prestação de contas duvidosas. A prática vem se repetindo a cada ano e a ação lenta da justiça incentiva a sensação de impunidade. O problema ocorre tanto na esfera estadual como a federal.

Enquanto isso, os que agem de forma séria e responsável sofrem para obter valores que podem ser considerados migalhas diante das denúncias que vêm sendo apresentadas.

Leia mais...
Identificadas fraudes na Festa da Baleia Franca (Imbituba)

Continue lendo...

Ninguém procurou

Em Capivari de Baixo comenta-se sobre a possibilidade do vice-prefeito Nivaldo de Souza deixar o PMDB e tentar a sorte em outro partido onde teria mais espaço e liberdade para atuar. Apesar da aproximação com o presidente do PDT, Araildo Liberato, o PG, uma das alternativas sugeridas seria o PSB. Porém o presidente da sigla Itamar Matos disse que só ouviu falar do assunto, mas que não foi procurado pelo vice-prefeito e também não procurou ele.

Continue lendo...

Novo requerimento questiona eleições da mesa diretora da Câmara de Vereadores de Tubarão

Novo requerimento apresentado na Câmara de Vereadores de Tubarão questiona a realização das eleições da Mesa Diretora para o biênio 2011/2012. Deka May (PP), Dionísio Bressan (PP) e Edson Firmino (PT) fizeram o questionamento a partir da resposta dada pelo presidente da casa, Sargento Batista (PSDB), ao primeiro requerimento feito por Caio Tokarski (PMDB) e que prometia tratar do assunto a partir de novembro.

Portanto novembro chegou e os vereadores querem saber quando será feita a eleição. Ou será que a votação feita em março e que elegeu o ex-vereador Maurício da Silva (PMDB) como presidente e João Fernandes (PSDB) como vice está valendo? O vereador Evandro Almeida (PMDB) disse que a eleição já aconteceu e que não tem mais o que ser discuta. Dessa forma Fernandes volta a ser o presidente da Câmara a partir de 2011.

Continue lendo...

Rhumor - JBGuedes

twitter.com/jbfguedes - guedesjb.blogspot.com

Continue lendo...

Charge dos Nunes

Continue lendo...

Ponticelli, Mota e Edinho têm contas aprovadas

O Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina iniciou o julgamento das contas de campanha das Eleições 2010 nesta segunda (22) com a aprovação unânime de nove prestações de candidatos eleitos e outras duas de suplentes. Entre as contas aprovadas estavam a dos deputados estaduais reeleitos Joares Ponticelli (PP) e Manoel Mota (PMDB) e do deputado federal reeleito Edson Bez (PMDB), o Edinho.

Leia mais...
Pleno aprova 11 prestações no 1º dia de julgamento de contas eletivas

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors