domingo, 31 de outubro de 2010

Serra vence em SC e Tubarão

Encerrada a apuração em Santa Catarina é confirmada mais uma vez a vitória de José Serra (PSDB) no Estado. O tucano obteve 2.030.135 (56,61%) contra 1.556.226 (43,39%) de Dilma Roussef (PT). A abstenção no estado foi de 766.246 (16,89%) eleitores.

Em Tubarão Serra também venceu com 31.421 (54,52%) contra 26.215 (45,48%) de Dilma. Na cidade a abstenção foi de 12.124 (16,6%).

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010 - 9

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010 - 8

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

Nova regra deixa fiscais de partido no ostracismo

Por muitos anos o fiscal de partido foi marca registrada nas eleições, colaborando com a ordem, limpeza e auxiliando os eleitores em cada colégio eleitoral. Entretanto, este ano o TRE convocou um grupo de ajudantes para alguns locais de votação, deixando de lado o papel do fiscal de partido, ou delegado de seção, e condenando-os ao ostracismo.

No colégio eleitoral Imaculada Conceição, em Florianópolis, Berenice Trovati, que é fiscal de partido há 15 anos, diz que se sente prejudicada. “Todos os anos ajudávamos os eleitores, guiávamos os cegos, e éramos mais respeitados. Mas este ano, quando alguns colégios eleitorais ganharam ajudantes e fiscais novos, ficamos sem ter muito que fazer. Estamos sendo julgados por algumas pessoas como os agentes de boca-de-urna, que fazem exatamente o inverso da nossa função, que é garantir o cumprimento das leis e da tranquilidade”.

Já na cidade de Santo Amaro da Imperatriz, na grande Florianópolis, o fiscal Luiz Gonzaga dos Santos, do PPS, trabalha em sua terceira eleição. Como a cidade possui um porte menor de votos o sistema de ajudantes eleitorais não ocorreu e Luiz permaneceu acumulando as funções de fiscal de seu partido e do colégio eleitoral.

Escolhido pelo partido para trabalhar como fiscal por ser conhecido no bairro e assim, colaborar com uma imagem positiva dos candidatos, Luiz contrapõe o fato reafirmando seu papel nesta eleição. “Como todo fiscal decente, não digo ao eleitor em quem votei. Apesar de eu representar o partido que confio, sou fiscal, e meu dever é não influenciar ninguém a seguir meu voto e apenas manter o local limpo e sem corrupção”.

Essa mudança de regras causa divergências de opiniões nos eleitores. Jaime de Souza, 65 anos, acredita que a função do fiscal seja muito útil, entretanto, a grande maioria deles não sabe exercer sua função, o que causa transtorno nos colégios eleitorais. Já o aposentado Saulo Regis, 61 anos, acredita fielmente nos fiscais de partido que viu nesta e em outras eleições e que sempre o auxiliam. Assim como na política, encontramos fiscais bons e ruins na hora de votar e cabe a nós eleitores termos consciência na hora do voto, como eles mesmos afirmam.

Texto de Francielle dos Santos/Unisul Hoje

Continue lendo...

O paradoxo da democracia compulsória

Eleitores questionam obrigatoriedade do voto e reivindicam direito à abstenção com escândalos e baixo nível da campanha

Continue lendo...

Algo mudou do primeiro para o segundo turno?

Aluna de Jornalismo da Unisul Francielle dos Santos foi às ruas, em Florianópolis, para saber se algo mudou do primeiro para o segundo turno das eleições presidenciais.

Será que campanha, denúncias e debates influenciaram o voto?

Veja no vídeo de Francielle.

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010 - 7

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

TRE registra propaganda irregular em Orleans

A votação continua tranqüila em Santa Catarina. Além das ocorrências já registradas em Penha e Itajaí, houve apenas mais duas, sendo uma em Presidente Getúlio (Vale do Itajaí) e outra, por divulgação de propaganda, em Orleans (Sul do estado).

O número de urnas eletrônicas substituídas também permanece dentro da normalidade. Até o momento, houve 36 trocas em todo o estado, o que corresponde a menos de 0,5% do total de urnas.

Os municípios com o maior número de substituições são: Lages (3), Caçador (2), Criciúma (2), Itajaí (2), Joinville (2), Florianópolis (2) e Tunápolis (2). Os principais motivos das 36 trocas foram erro na configuração na data/hora (9 urnas) e urnas travadas (5).

Com informações do TRE-SC

Continue lendo...

Eleitores preferem viajar em vez de votar

Alguns eleitores preferem deixar de lado o exercício do voto obrigatório para curtir o feriado prolongado ao lado de amigos e parentes, ou até mesmo para resolver suas pendências. Isso faz com que cresça o número de pessoas que optam pela justificativa dos votos.

Em Florianópolis residem muitos universitários, que morando longe de seus locais de votação acabam tendo que viajar para sua cidade natal. A principal reclamação é a dificuldade com gastos como passagens e também deixar suas obrigações escolares.

Daiana Zitkoski afirma que justificou o primeiro turno e vai ser obrigada a justificar o segundo também, deixando de lado a sua função cívica.

- Teria que viajar para minha cidade para votar, mas preciso estudar neste feriado.

Na hora da decisão entre viajar para votar ou curtir com amigos e parentes esses fatores também pesam na escolha.

Juliano Martins, estudante em Florianópolis, vai aproveitar os dias de folga na praia em vez de votar em Porto Alegre.

- Não estou de acordo com os partidos que concorrem no segundo turno e se fosse votar, votaria nulo.

Os principais destinos para aproveitar o feriado são as praias do litoral catarinense.

Com informações do Unisul Hoje

Continue lendo...

Eleitores vão à urna antes de viajar

Na manhã de votação para o 2º turno das eleições 2010, muitos eleitores foram às urnas antes de viajar, mesmo com o feriado prolongado. No terminal Rodoviário Rita Maria, em Florianópolis, o movimento permaneceu tranquilo. Alguns eleitores, que já estavam na capital, interromperam a viagem para se deslocar ao local de votação.

É o caso de Regiane Pereira, 25 anos, de Paulo Lopes: “Vim passar o feriado com parentes, na praia dos Ingleses, e acordei cedo hoje para ir votar. Poderia justificar, mas preferi não desperdiçar o meu voto”.

Mas alguns eleitores preferem aproveitar o feriado prolongado para viajar ou resolver suas pendências.

Para os eleitores que optaram por viajar de avião e não vão conseguir votar, o Aeroporto Internacional Hercílio Luz oferece um posto de justificativa. O espaço não é exclusivo para aqueles que estão em trânsito, os moradores da região próxima ao aeroporto também podem usar o posto para justificar o seu voto. O transporte coletivo da grande Florianópolis está funcionando no horário normal de domingo. As linhas que levam aos locais de votação com um maior número de eleitores podem receber mais coletivos se houver necessidade.

Com informações do Unisul Hoje

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010 - 6

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010 - 5

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

Morre Orlando Falchetti, aos 69 anos

O diretório municipal do Partido dos Trabalhadores de Tubarão comunica com pesar o falecimento de Orlando Falchetti - irmão do presidente municipal do partido, Olávio Falchetti.

Orlando tinha 69 anos e sofreu uma parada cardiorrespiratória, falecendo por volta das 4h deste domingo. Orlando sofria de problemas renais e fazia hemodiálise com frequência.

Deixa três filhos: Edson, Gisele e Jadson.

O velório acontece na Capela Santa Rita, próximo à Catedral. A missa de corpo presente acontece às 16h e o enterro está marcado para as 17h, no Cemitério Municipal.

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010 - 4

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

Eleição tranquila no Estado

A movimentação no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) de Santa Catarina é tranquila na manhã deste domingo, com poucas pessoas circulando no local. Dezesseis urnas foram substituídas por problemas técnicos, segundo Paulo Dionisio Fernandes, coordenador de eleições do TRE. Ao todo são 16.772 em operação no Estado. De acordo com a Polícia Militar, até o momento nenhuma ocorrência grave foi registrada com eleitores.

Em Penha, o 1º mesário Anderson Vieira não compareceu à sua seção eleitoral, no colégio Carlos Araújo de Assis. O mesário foi encaminhado à sua seção pela Polícia Militar, e está cumprindo as suas atividades sob supervisão dos policias.

Nos colégios da Grande Florianópolis o movimento é tranquilo, sem expectativas de grandes concentrações de eleitores. O secretário de Tecnologia da Informação do TRE-SC, Renato de Ávila Pacheco, acredita que não haverá filas na eleição presidencial deste domingo.

Informações do Unisul Hoje

Continue lendo...

Primeiros números só depois das 19 horas

Os sistemas de divulgação da Justiça Eleitoral somente exibirão a votação dos candidatos a presidente da República após as 19 horas deste domingo (31/10). Antes disso, não será possível divulgar qualquer resultado parcial ou total, já que a votação no Acre será encerrada apenas às 19 horas no horário de Brasília por causa do fuso horário e do horário do verão.

Essa matéria é regulada pelo artigo 160 da Resolução TSE nº 23.218/2010. Já os dados de outras unidades da Federação para o cargo de governador poderão ser divulgados a partir das 17h no horário local de cada uma delas.

Com informações do TRE

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010 - 3

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010 - 2

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

A Hora do Voto Eleições 2010

De hora em hora a Unisul TV atualiza as informações sobre o dia de votação na região

Continue lendo...

Prazo para prestação de contas do primeiro turno termina no feriado

O prazo para a apresentação das prestações de contas da campanha eleitoral encerra na próxima terça-feira (2/11), quando o protocolo da Secretaria do Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina estará aberto das 14h até às 19h para o recebimento dos processos.

Se a prestação não for apresentada no prazo legal, de 30 dias após a eleição, a Justiça Eleitoral deverá notificar o responsável pela omissão em até 10 dias para que protocole as contas em 72 horas, sob pena de elas serem julgadas não prestadas. Nas Eleições 2010, também serão consideradas não prestadas as contas desacompanhadas de documentos cuja falta não seja suprida em 72 horas. Enquanto as contas parciais foram feitas via internet, as contas finais apenas poderão ser apresentadas no protocolo do TRE-SC, com todas as peças acompanhadas de disquete.

A estimativa é de que 605 prestações de contas sejam feitas até o final do prazo, das quais 59 de eleitos e 28 de suplentes, que deverão ser julgadas até 7 de dezembro. Segundo a Resolução TSE nº 23.217/2010, a decisão que julgar as contas dos candidatos eleitos será publicada até 8 dias antes da diplomação - a cerimônia em SC acontecerá em 16 de dezembro.

A Justiça Eleitoral deverá receber 16 mil processos em todo o Brasil, encaminhados por meio magnético para uma base única de dados localizada no Tribunal Superior Eleitoral. Há expectativa de que possa ocorrer um congestionamento no dia 2 de novembro, quando do envio de dados.

A decisão que julgar as contas eleitorais como não prestadas acarretará ao candidato o impedimento de obter a certidão de quitação eleitoral durante o curso do mandato ao qual concorreu e, persistindo os efeitos da restrição, até a efetiva apresentação das contas. Ao partido político, em relação às suas próprias contas e às contas do comitê financeiro que a ele estiver vinculado, a perda do direito ao recebimento da cota do Fundo partidário no ano seguinte ao da decisão.

Com informações do TRE-SC

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors