quinta-feira, 14 de outubro de 2010

PR deve devolver recursos do Fundo Partidário

O Tribunal Regional Eleitoral de Santa Catarina desaprovou, por unanimidade, as contas do Partido Liberal (PL) relativas ao exercício financeiro de 2006 e suspendeu por seis meses o repasse de cotas do Fundo Partidário ao Partido da República (PR), sigla que se originou da fusão do PL com o Partido da Reedificação Nacional (Prona). A Corte também determinou ao PR que devolva R$ 159.540,01 ao erário, valor de gastos feitos com recursos do Fundo Partidário sem a devida comprovação.

Leia mais...
PR deve devolver cerca de R$ 160 mil ao erário após rejeição de contas

Transferência de votos

Em toda eleição sempre tem os candidatos que buscam herdar os votos de alguém que está de fora da eleição. Neste pleito, o caso mais notável é o da candidata a presidente Dilma Roussef (PT), que busca ser a sucessora do presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT).

Aqui na região todos buscavam os votos do deputado estadual Genésio Goulart (PMDB). Alexandre Moraes (PMDB) que seria a opção natural, fez pouco mais do que 10% da votação de Goulart em 2006, que foi de 33.293 votos.

Já o deputado estadual eleito José Nei Ascari (DEM), tido como o sucessor do ex-deputado Júlio Garcia (DEM), conseguiu não somente se eleger, mas superar o desempenho do 'mentor'. Em 2006, Garcia foi eleito com 51.010 votos (nono mais votado). Em 2010, Ascari foi o quinto mais votado com 55.692 votos. Cinco mil votos de boa diferença.

Quem ajuda na reconstrução do PMDB de Tubarão?

A região da Amurel manteve a representatividade na Assembleia Legislativa, mas o PMDB não. O partido no Sul vive situações contraditórias. Na chapa majoritária teve um representante eleito vice-governador com Eduardo Moreira. Para deputado federal manteve Edinho Bez e ganhou a presença de Ronaldo Benedet. Já para deputado estadual a situação ficou bem complicada.

De quatro nomes que tinha em 2006, ficou com apenas dois em 2010. Lançou sete candidatos em todo o Sul e conseguiu reeleger apenas Ada de Luca e Manoel Mota. O PMDB de Tubarão vai ficar sem representante a partir de 1º de fevereiro quando acaba o mandato de Genésio Goulart. E o que já não estava bom ficou ainda pior.

Será que a cidade que já reclama por mais investimentos do governo estadual ficará ainda mais distante de ver os seus pleitos contemplados? O que será feito para aproximar os dois eleitos e tê-los como aliados das reivindicações locais?

Ada de Luca, que tem base em Laguna, seria na teoria o nome mais próximo. Mas nesse primeiro mandato, a deputada acompanhou sempre tudo a distância de Tubarão. Na versão dela, essa atitude era em respeito ao espaço do deputado Genésio Goulart.

Em entrevista publicada aqui no 8 de maio ela disse:
- Sou muito presente na região da Amurel. Posso ter sido ausente na cidade de Tubarão, até agora, em respeito ao deputado Genésio. Porém, a minha presença na região se faz mediante ações que beneficiam a população como um todo.

E agora? Sem ele e sem ninguém eleito pela cidade, vai ocorrer esta aproximação?

Em Tubarão, Ada de Luca obteve somente 353 votos. Bem menos que os 2.048 votos obtidos em Laguna e 3.271 em Criciúma, cidade onde o PMDB também ficou sem representante na Alesc e o nome dela até aparece em pesquisas para a prefeitura em 2012.

Já Manoel Mota, obteve 9.445 votos em Araranguá, onde tem base, e 959 votos em Tubarão.

Para qual lado os eleitos vão dedicar mais atenção?

Está mais do que provado que o PMDB de Tubarão precisa ser reconstruído. Resta saber quem vai estar disposto a ajudar.

Pavan reúne secretários regionais

Os secretários de Desenvolvimento Regional de Tubarão, Braço do Norte e Laguna Haroldo Silva (PSDB), o Dura, Gelson Padilha (PSDB) e Mauro Candemil (PMDB), respectivamente, participaram de reunião com o governador Leonel Pavan (PSDB). O encontro com todos os 36 secretários regionais do estado ocorreu nesta quarta-feira (13/10) teve o objetivo de discutir o planejamento das ações que serão efetuadas e concluídas até o final de 2010 e avaliar os trabalhos realizados até o momento. 
Os investimentos previstos em obras em 2010 totalizam cerca de R$ 725,8 milhões para as secretarias de Desenvolvimento Regional (SDRs).

Rhumor - JBGuedes


twitter.com/jbfguedes - jbguedes.blogspot.com

Armação ou não, justiça precisa esclarecer

O ex-candidato a deputado estadual Douglas Antunes (PSC) rebate na edição de hoje do jornal Notisul a denúncia de compra de voto feita com vale-rancho falso. Ele argumenta que foi feita uma armação com a sua candidatura.

Será que alguém se sentiu ameaçado com a campanha de Douglas? Difícil acreditar que o candidato que obteve 2.466 votos no total, e foi o sexto mais votado em Tubarão, com 1.361 votos, estava ameaçando a candidatura de alguém.

Mas enfim, seria muito bom mesmo se a justiça conseguisse esclarecer o fato e punir os culpados, entre eles, candidatos e eleitores que participam desta prática. Infelizmente, se os vales fossem verdadeiros ninguém teria feito a denúncia.

A Justiça Eleitoral precisa aprimorar a forma de fiscalizar as campanhas, pois ainda são oferecidos muitos favores em troca de votos. É só visitar um comitê de campanha e verificar como funciona para colocar adesivos em carros.

Leia mais...
Denúncia de compra de votos: “Armaram para mim e vou descobrir quem foi”

Eleitos em 2010: José Nei Ascari (DEM)

Das 40 vagas disputadas para a Assembléia Legislativa de Santa Catarina, uma delas será ocupada por José Nei Ascari (DEM). Ele obteve o maior número de votos entre os representantes da região sul ao cargo de deputado estadual. Você confere agora uma entrevista com o político, que fala de metas e propostas de trabalho. Esta á primeira entrevista de uma série que a Unisul TV pretende fazer com os representantes da Amurel eleitos em 2010

Nunca é cedo para pensar em 2014

O deputado estadual reeleito Joares Ponticelli (PP) já avisou que esta foi a última eleição dele para o cargo. Em 2014 disputa para deputado federal ou chapa majoritária. O tempo é suficiente para encontrar um novo nome para substituí-lo na Alesc. Quais seriam as possibilidades?

Se o vereador de Tubarão Deka May (PP) tivesse feito campanha para deputado federal em 2010 já poderia ter regionalizado o nome e pavimentado uma futura candidatura em 2014. As eleições municipais de 2012 também podem indicar outro nome com potencial, dependendo, é claro, do desempenho do eventual candidato.

E ainda, se tomarmos como exemplo os trabalhos prestados na campanha de 2010, o prefeito de Treze de Maio, Arilton Cândido, o Xela, que foi um dos coordenadores regionais, também poderia ser uma das opções.

Tempo de sobra para pensar no assunto o Partido Progressista tem. É bom aproveitar isso, até porque os exemplos mostram que deixar o tema para a última hora tem resultados desastrosos.

Charge - Nunes

Ordem do dia na Câmara de Vereadores de Tubarão, 14/10

Os Vereadores de Tubarão estarão reunidos na quinta-feira, 14 de outubro, em seu horário regimental das 19 horas, realizando mais uma Sessão Legislativa Ordinária. Na pauta desta Sessão está previsto a deliberação das seguintes matérias:

- PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N° 137/2010, de autoria do Ver. Ivo Stapazzol, que dispõe sobre a apresentação de prestação de contas quando da celebração de convênios com entidades para repasse de recursos financeiros pelo Município. Este projeto em sua Redação Final.

- PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N° 141/2010, de autoria da Vereadora Albertina Terezinha Carvalho, que altera a redação da Lei Municipal n° 2.576/01, que declara de utilidade pública a Associação de Moradores da Comunidade de São Tomé. Este projeto em sua segunda votação.

- PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N° 151/2010 (094/2010 na origem), de autoria do Poder Executivo, que altera a Lei n° 1.813/94, que dispõe sobre o Desenvolvimento Urbano do Município de Tubarão, institui o Plano Diretor de Desenvolvimento Físico Territorial e dá outras providências. Este projeto em sua segunda votação.

- PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N°127/2010 (054/2010 na origem), de autoria do Poder Executivo, que altera a redação do caput e acrescenta parágrafo único ao art.135 da Lei n° 1.813/1994, institui o Plano Diretor de Desenvolvimento Físico Territorial Urbano de Tubarão e dá outras providências. Este projeto em sua primeira votação.

- PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N°147/2010 (089/2010 na origem), de autoria do Poder Executivo, que autoriza o poder Executivo a firmar Convênio com a Associação de Coralistas do Coral Municipal de Tubarão, no valor de R$ 10.000,00 (dez mil reais). Este projeto em sua primeira votação.

- PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N°152/2010 (095/2010 na origem), de autoria do Poder Executivo, que altera a Lei Municipal n° 1.812/94 que institui o Código de Obras do Município de Tubarão e dá outras providências. Este projeto em sua primeira votação.

- PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N°153/2010 (096/2010 na origem), de autoria do Poder Executivo, que altera a Lei Municipal n° 3.256/08 que dispõe sobre as normas a serem adotadas por equipamentos de guarda de veículos e da outras providências. Este projeto em sua primeira votação.

- Antes dos trabalhos, os Vereadores estarão empossando os Vereadores Mirins do Legislativo Tubaronense. Os eleitos para o período legislativo mirim compreendido entre os dias 14 de outubro de 2010 ao dia 31 de dezembro de 2011e seus respectivos suplentes receberão um Diploma de Vereador Mirim e as 30 escolas participantes irão receber um Certificado de Participação.

Categories

A Hora do Voto Acit Ada De Luca Aeroporto Regional Sul Alesc Amurel Arena Multiuso Armazém BR-101 Braço do Norte Brasília Câmara Capivari de Baixo Câmara de Braço do Norte Câmara de Criciúma Câmara de Grão-Pará Câmara de Gravatal Câmara de Imaruí Câmara de Imbituba Câmara de Jaguaruna Câmara de Laguna Câmara de Sangão Câmara de São Martinho Câmara de Tubarão Câmara dos Deputados Capivari de Baixo Carlos Stüpp CDL CDR Charge Debates DEM Deputados Desenvolvimento Diário do Sul Dilma Roussef DNIT Economia Edinho Bez Educação Eleições 1982 Eleições 1986 Eleições 1989 Eleições 1992 Eleições 1996 Eleições 1998 Eleições 2000 Eleições 2002 Eleições 2004 Eleições 2006 Eleições 2008 Eleições 2010 Eleições 2012 Eleições 2014 Facisc Governo Estadual Gravatal Imaruí Imbituba Impostos Indústria e Comércio IPTU Jaguaruna JBGuedes Joares Ponticelli Jorge Boeira José Nei Ascari Justiça Justiça Eleitoral Laguna Leis Meio Ambiente Obras Olávio Falchetti Partidos PCB PCdoB PCO PDS PDT Pedras Grandes PEN Pepê Collaço Pesca Pescaria Brava Pesquisas PHS PL PMDB PMDB Mulher PMN Política Porto de Imbituba PP PPA PPB PPL PPS PR PRB Prefeitos Prefeitura de Capivari de Baixo Prefeitura de Gravatal Prefeitura de Jaguaruna Prefeitura de Laguna Prefeitura de São Martinho Prefeitura de Tubarão Prefeituras Presídio Prona Propaganda partidária PRP PRTB PSB PSC PSD PSDB PSDC PSL PSOL PSPB PSTU PT PTB PTC PTdoB PTN PV Raimundo Colombo Rede Sustentabilidade Reforma Administrativa Reforma Eleitoral Reforma Política Reforma Tributária Reforma Universitária Rhumor Rio Tubarão Rizicultura Salários Saúde SDR de Braço do Norte SDR de Laguna SDR de Tubarão SDRs Segurança Senado Senadores Sociedade STF TCE TJ-SC Trânsito TRE Treze de Maio TSE Tubarão Turismo Unisul Unisul TV Vereadores