quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Deka tira licença para coordenar campanhas de Ponticelli e Ângela

O vereador Deka May (PP) entrará em licença da Câmara de Tubarão para se dedicar às eleições. Só que ao invés de trabalhar na própria campanha a deputado federal, ele assumirá integralmente a coordenação da campanha à reeleição de Joares Ponticelli (PP) a deputado estadual. Ele também atuará na equipe da candidata ao governo Ângela Amin (PP) na região. A licença, inicialmente de 30 dias, poderá ser renovada por 30. Durante o período assumirá a vaga o suplente Luiz Pereira (PP), o Luiz Refrigeração (326 votos em 2008).

Como um dos coordenadores regionais, Deka participou hoje junto com Arilton Francisconi, o Xela, e Felippe Luiz Collaço, o Pepê, de encontro com representantes do PDT, Vilmar Brescianni, Estener Soratto e Edvan Nunes. Os dois partidos estão coligados para a majoritária a reunião serviu para definir estratégias de campanha.

No final da tarde ele também teve encontro com o prefeito Manoel Bertoncini (PSDB). A conversa discutiu a campanha eleitoral e o clima de cordialidade que deve perdurar entre as siglas na cidade, já que apesar de aliadas no município, PP e PSDB são adversários na disputa estadual.

Colombo não vem para lançamento de Stupp

Raimundo Colombo (DEM), não virá a Tubarão no sábado para o lançamento da campanha e inauguração do comitê do candidato a deputado estadual Carlos Stupp (PSDB). Agenda divulgada pela assessoria do candidato ao governo pela coligação As Pessoas em Primeiro Lugar, informa que ele passará o dia gravando programas eleitorais.

A agenda confirma que o candidato a vice-governador Eduardo Moreira (PMDB), e os candidatos ao senado Luiz Henrique da Silveira (PMDB) e Paulo Bauer (PSDB) estarão presentes.

A inauguração do comitê de Stupp está marcada para às 9h45min. No mesmo dia também será lançada a página na internet do candidato.

Jaguaruna: crise financeira na prefeitura atrasa pagamentos

A falta de recursos é comum nas prefeituras da região, o que impede a execução de obras importantes. Mas em Jaguaruna, as dificuldades financeiras têm reflexos ainda mais graves. O pagamento dos servidores está comprometido

Auxílio-reclusão e o salário ‘ó’!

Um dos benefícios oferecidos pela Previdência Social é o auxílio-reclusão que é um valor pago aos dependentes de segurados que estejam presos. O pagamento do benefício é polêmico.

Tem que gente que é a favor e tem os que são contra.

Esse é um daqueles assuntos que dividem.

Mas vamos aos fatos. O valor do benefício é de até R$ 798,30, ou seja, superior ao salário mínimo. Daí a revolta não é nem com o benefício, mas sim com o valor do salário mínimo que deveria ser o suficiente para o cidadão viver com dignidade, o que todos sabem, não é.

O benefício só é pago para quem contribui com a previdência, ou seja, tem carteira assinada, ou paga como autônomo. Como a maioria dos bandidos é de desocupados, esta maioria também não tem direito a isso.

Quem ganhava um salário superior quando foi preso também não tem direito a recebe-lo. E aí entra outro ponto da polêmica.

Os dependentes do preso devem pagar pelo crime?

Peguem o caso de um cidadão que, por exemplo, vive com família, tem emprego, carteira assinada, ganha mais de 800 reais e é preso por algum motivo que não nos cabe o julgamento.

É justo a família dele também ser penalizada?

Mas e a família de uma vitima, como é fica? Dinheiro nenhum compensa a perda de alguém.

Mas eu também pergunto. É justo um cidadão trabalhar o mês inteiro e receber um salário mínimo de 510 reais?

Como dissemos no começo, é um assunto polêmico e que até gera revolta.

O sujeito está preso e ainda recebe um salário. Mas as vezes alguém é preso, quando tinha um trabalho e aí o governo ampara ou não a família dele.

Essa eu vou deixar para você em casa pensar, mas está cada vez mais difícil de entender o mundo em que vivemos.

Feijoadas e costeladas. Cuidado com a digestão

Os candidatos devem ficar atentos às restrições da legislação eleitoral para a propaganda política. Com a proibição de distribuição de brindes, presença de artistas e comícios, entre outras, tem sido crescente a realização de feijoadas e costeladas com a participação destes candidatos.

A lei proíbe o oferecimento de qualquer vantagem ao eleitor, o que inclui um prato de comida. E mesmo que estes almoços, na teoria, sejam oferecidos por simpatizantes, os candidatos correm o risco de terem os nomes ligados ao evento e serem punidos pela justiça. Tem que tomar cuidado para que a festa não seja indigesta.

Memória curta

A memória curta do eleitor e da população sempre é citada quando há repetição de fatos e até mesmo políticos com passado nebuloso conseguem se reeleger. Pois na denúncia contra o vereador Geraldo Pereira (PMDB), o Jarrão, de uso irregular de diárias, nós da imprensa também esquecemos de outros casos.

Um leitor do blog lembrou que no final do ano passado, também o deputado federal Edinho Bez (PMDB), foi denunciado pelo jornal Folha de S.Paulo por ter pago hospedagem para a mulher, com recursos da Câmara do Deputados. Edinho também se defendeu dizendo que não fez nada de irregular, da mesma forma que agora argumenta Jarrão.

Um fato não justifica o outro, mas esta farra de uso indevido dos recursos públicos tem que acabar. A sensação de impunidade não pode continuar.

Leia mais...
Farra das passagens: deputado federal Edinho Bez diz que nada fez de irregular

Sessões mudam de horário na Câmara de Capivari de Baixo

As sessões da Câmara de Vereadores de Capivari de Baixo vão mudar de horário durante o período de campanha eleitoral. A partir da próxima terça-feira (17/8) as sessões serão às nove da manhã.

Ordem do dia na Câmara de Vereadores de Tubarão, 12/8

O Legislativo Tubaronense estará reunido nesta quinta-feira, 12 de agosto, em seu horário regimental das 19 horas, realizando mais uma Sessão Legislativa Ordinária. Na Ordem do Dia, desta Sessão está previsto a deliberação das seguintes matérias:

1. PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N° 94/2010 (052/2010 na origem), de autoria do Poder Executivo, que altera a Lei n° 3.240/2008, que autoriza o Poder Executivo a efetuar repasse financeiros ao Consórcio Intermunicipal da Saúde da AMUREL-CIS/AMUREL. Este Projeto em sua segunda votação

2. PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N° 112/2010 (069/2010 na origem), de autoria do Poder Executivo, que autoriza o Poder Executivo a suplementar dotação orçamentaria no valor de R$ 320.000,00 (trezentos e vinte mil reais). Este Projeto em sua segunda votação

3. PROJETO DE LEI ORDINÁRIA N° 053/2010 (024/2010 na origem), de autoria do Poder Executivo, que revoga a Lei n° 2.380 de 04 de abril de 2000, que desafeta e autoriza permuta de bem municipal. Este Projeto em sua primeira votação

Dionísio Bressan será o relator da CEI do caso Jarrão

O caso do vereador de Tubarão Geraldo Pereira (PMDB), o Jarrão, que segundo reportagem do programa Fantástico, da Rede Globo, foi flagrado supostamente fazendo turismo em vez de curso no nordeste brasileiro, já é investigado por uma comissão especial da Câmara de Vereadores. Ontem à tarde, foram definidos os membros da comissão e as primeiras ações para apurar os fatos, conforme explica o relator Díonisio Bressan Lemos (PP)

Rhumor - JBGuedes



twitter.com/jbfguedes - jbguedes.blogspot.com

Categories

A Hora do Voto Acit Ada De Luca Aeroporto Regional Sul Alesc Amurel Arena Multiuso Armazém BR-101 Braço do Norte Brasília Câmara Capivari de Baixo Câmara de Braço do Norte Câmara de Criciúma Câmara de Grão-Pará Câmara de Gravatal Câmara de Imaruí Câmara de Imbituba Câmara de Jaguaruna Câmara de Laguna Câmara de Sangão Câmara de São Martinho Câmara de Tubarão Câmara dos Deputados Capivari de Baixo Carlos Stüpp CDL CDR Charge Debates DEM Deputados Desenvolvimento Diário do Sul Dilma Roussef DNIT Economia Edinho Bez Educação Eleições 1982 Eleições 1986 Eleições 1989 Eleições 1992 Eleições 1996 Eleições 1998 Eleições 2000 Eleições 2002 Eleições 2004 Eleições 2006 Eleições 2008 Eleições 2010 Eleições 2012 Eleições 2014 Facisc Governo Estadual Gravatal Imaruí Imbituba Impostos Indústria e Comércio IPTU Jaguaruna JBGuedes Joares Ponticelli Jorge Boeira José Nei Ascari Justiça Justiça Eleitoral Laguna Leis Meio Ambiente Obras Olávio Falchetti Partidos PCB PCdoB PCO PDS PDT Pedras Grandes PEN Pepê Collaço Pesca Pescaria Brava Pesquisas PHS PL PMDB PMDB Mulher PMN Política Porto de Imbituba PP PPA PPB PPL PPS PR PRB Prefeitos Prefeitura de Capivari de Baixo Prefeitura de Gravatal Prefeitura de Jaguaruna Prefeitura de Laguna Prefeitura de São Martinho Prefeitura de Tubarão Prefeituras Presídio Prona Propaganda partidária PRP PRTB PSB PSC PSD PSDB PSDC PSL PSOL PSPB PSTU PT PTB PTC PTdoB PTN PV Raimundo Colombo Rede Sustentabilidade Reforma Administrativa Reforma Eleitoral Reforma Política Reforma Tributária Reforma Universitária Rhumor Rio Tubarão Rizicultura Salários Saúde SDR de Braço do Norte SDR de Laguna SDR de Tubarão SDRs Segurança Senado Senadores Sociedade STF TCE TJ-SC Trânsito TRE Treze de Maio TSE Tubarão Turismo Unisul Unisul TV Vereadores