quarta-feira, 4 de agosto de 2010

O número mágico ficou mais alto

Em nota neste blog, no início de junho, antes do fechamento das coligações partidárias, escrevi sobre a projeção dos números que cada candidato precisava e esperava obter para se eleger. Pois após as convenções que definiram as coligações o quadro mudou, principalmente para os integrantes da coligação que envolve DEM - PMDB - PSDB - PTB - PTC - PSL - PRP – PSC.

Só na região da Amurel, são seis nomes por esta coligação. Dois pelo PMDB (Ada de Luca e Alexandre Moraes), dois pelo PSDB (Carlos Stupp e Keli Oliveira) um pelo DEM (José Nei Ascari) e um pelo PSC (Douglas Antunes).

Concorrendo com outros nomes de peso os que sonhavam se eleger com 35 mil votos precisarão de pelo menos mais 15 mil votos para não pensar em correr riscos. Avalia-se até a possibilidade de alguém mesmo ultrapassando os 50 mil votos, ficar de for a por causa de 100 votos ou menos.

Nesta operação toda, o que parece ter saido mais desapontando é Douglas Antunes que foi incentivado a ser candidato com a promessa de chapa pura do PSC. Dentro de uma coligação com tantos candidatos forte, o sonho de se eleger com algo entre 12 e 15 mil votos foi por água abaixo.

Leia mais...
O número mágico de cada um

Continue lendo...

Vereador questiona contratação de fisioterapeuta

Os trabalhos da Câmara de Capivari de Baixo foram retomados nesta terça-feira (3/8) com mais cobranças da oposição sobre atos da administração municipal. O vereador Ricardo Arboite (PP) teve requerimento aprovado sobre pedido de informações pela contratação da fisioterapeuta Mariana Fretta Zapelini, sobrinha do candidato a vice-governador Eduardo Moreira (PMDB). Arboite quer ver a cópia do contrato e as notas fiscais de pagamento pela Prefeitura.

No ano passado, o deputado estadual Joares Ponticelli (PP) questionou na Alesc, a credenciamento do filho de Eduardo, o médico Eduardo Pinho Moreira Filho, como prestador de serviços do Detran. Na época Eduardo Moreira (o pai) disse que se a presença dele na política prejudicasse os filhos, ele estaria fora. Acredito que o mesmo vale para os outros parentes.

Penso também que um familiar de um político não pode ser prejudicado ou beneficiado por causa do parentesco. Portanto seria bom a prefeitura prestar os esclarecimentos para acabar com todas as dúvidas.

Continue lendo...

Rhumor - JBGuedes

twitter.com/jbfguedes - jbguedes.blogspot.com

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors