sexta-feira, 20 de março de 2009

Pavan prepara campanha para o Governo

O vice-governador de Santa Catarina Leonel Pavan (PSDB) aproveita as viagens pelo Estado para articular sua candidatura ao governo estadual em 2010.

Na quinta-feira (19/3) ele veio a Tubarão para participar da posse do novo reitor da Unisul Ailton Soares e logo depois teve encontro num restaurante da cidade com o prefeito Manoel Bertoncini (PSDB) e assessores.

Na disputa interna entre os partidos da tríplice aliança (PMDB-PSDB-DEM) Pavan confidenciou que acredita no apoio do governador Luiz Henrique (PMDB), que deve ser candidato ao Senado, para superar os outros postulantes Eduardo Moreira e Dário Berger, ambos do PMDB.

Continue lendo...

Quatro perguntas para Paulinho May

O ex-prefeito Paulinho May deixou a política em 1996, mas o experiente político ainda acompanha os acontecimentos atuais. Esta semana tive a oportunidade de conversar com ele e realizar uma pequena entrevista. Acompanhe:

O que o senhor acha destas brigas de partidos e instituições públicas em torno de cargos e posições?

No Brasil enquanto existir esse número de partidos, que são partidos mesmo, vamos ver isso. Existem interesses pessoais acima dos interesses coletivos. Eles fundam o partido e a primeira coisa que eles pedem são cargos em troca de apoio. Porque dando apoio conta minutos na televisão, ou conta minutos na rádio. Então eu não acredito no pluripartidarismo brasileiro. Eu acredito num sistema com três, quatro ou cinco partidos. Até hoje, por exemplo, o único partido que teve, que foi consciente e responsável, mas agora está havendo um desgaste muito grande, porque é claro, é governo, é o PT, mas no resto dos partidos não tem uma filosofia, uma ideologia sincera, honesta, pensando no bem do povo brasileiro.

O que o senhor acha das disputas que tem ocorrido em Tubarão, entre os partidos que apóiam o prefeito Manoel Bertoncini e também na Câmara de Vereadores.

Eu acompanho através dos jornais, um pouquinho através do meu filho que é vereador, o André, o Deka May, mas eu lastimo o que está acontecendo. O que eu desejo é que o Manoel Bertoncini (PSDB) e o Pepê Collaço (PP) façam um bom governo. E que a Câmara também pense mais um pouquinho na comunidade de Tubarão. Porque eu fui vereador, fui Presidente da Câmara com 19 vereadores, é bom que se diga, e nós tínhamos nove funcionários. Hoje são dez vereadores e tem 50 funcionários, eu acredito que está havendo um pouquinho de exagero aí.

A reforma política está demorando?

Eu sempre digo, existe o candidato a vereador e existe o candidato a emprego. Então eu acredito numa reforma partidária. É bom lembrarmos que isso já está para ser feito há 20 anos e vai passar mais 20 anos, e não vai melhorar em nada. Eu acredito que, queira Deus que eu esteja enganado, mas não acredito que melhore.

Qual o recado que o senhor pode dar ao prefeito Manoel Bertoncini?

Eu desejo dizer ao Manoel e ao Pepê, mas principalmente ao Manoel, de que ele é o chefe político, é ele que tem a caneta na mão, é ele que decide, todos os seus subordinados podem resolver, mas a decisão sempre é de um só, e nesse caso é o prefeito.

Continue lendo...

Frase do dia

"Fecho meus olhos para ver."
Paul Gauguin, pintor francês

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors