terça-feira, 30 de junho de 2009

Sessão extraordinária não terá 100% de quorum

A sessão extraordinária da Câmara de Vereadores de Tubarão marcada para quarta-feira já tem uma ausência confirmada. O vereador Evandro Almeida (PMDB) estará em Xanxerê para cursar a pós-graduação em Gestão Publica, na Unoesc.

Durante a sessão sera votado o Plano Plurianual de Tubarão para o quadriênio de 2010/2013.

Atitude macrorregional

Estamos há 15 meses das eleições de 2010, mas o cenário regional já está sendo desenhado por aqui. Quem quer ser candidato vai se articulando, agregando apoios e alianças para tentar o sucesso nas urnas. Mas quantos candidatos vamos ter por nossa região? Ou melhor, quantos candidatos a nossa região suporta para ter condições de eleger representantes? Quatro? Mais que isso?

Atualmente a Amurel tem três representantes na Assembléia Legislativa. Os deputados estaduais Joares Ponticelli, do PP, e Genésio Goulart e Ada de Luca, do PMDB, são candidatos naturais à reeleição. O ex-prefeito de Tubarão Carlos Stupp é pré-candidato pelo PSDB, o professor Douglas Antunes é pré-candidato pelo PSC e o secretario estadual de administração e ex-prefeito de Grão Pará, José Nei Ascari é pré-candidato pelo DEM. Até aí já são seis nomes, praticamente confirmados. O empresário Olávio Falchetti, também é cogitado para ser candidato pelo PT e até o início de 2010 outros nomes devem surgir.

Tenho perguntado aqui neste blog, e também para quem eu converso pessoalmente o que seria melhor. Ninguém arrisca dizer um numero certo, até porque todos os partidos têm direito de lançar um candidato.

Agora, se somarmos toda a região Sul temos na Assembléia sete deputados. Já tivemos dez em outras épocas. Ou seja, 25 por cento da casa. Então será que é melhor pensarmos isoladamente como microrregião, ou de forma mais abrangente como macrorregião? Nós eleitores pensarmos assim até que é fácil, mas é preciso que os senhores deputados acompanhem a ideia. Falar em Voto pela Amurel, Voto pela Amrec, Voto pela Amesc é fácil, do mesmo jeito que é falar em Voto pelo Sul. Difícil é agir assim e na hora de vamos ver, cada deputado trabalha por sua região e só.

Leia mais em:
Campanhas macrorregionais

Mais uma sessão amanhã

Os trabalhos do semestre na Câmara de Vereadores de Tubarão deveriam ter sido encerrados ontem, mas por falta de quorum a votação do Plano Plurianual foi adiada. Cinco vereadores tiveram a ausência justificada e com isso nova sessão foi marcada para amanhã.

Comissão para defender a profissão

Estudantes de Jornalismo e profissionais da área discutiram ontem à noite na Unisul encaminhamentos que devem ser tomados após a decisão do Supremo Tribunal Federal que acabou com a exigência do diploma para o exercício da profissão. Foi formada uma comissão com estudantes e jornalistas formados que vão ter a missão de divulgar para a sociedade e sensibilizar sobre a importância de contratar profissionais formados.

Pauta da Assembleia Legislativa para 30/6

1 – Reunião da Comissão de Justiça
Local: Sala das Comissões
Horário: 9h

2 – Sessão ordinária
Local: Plenário
Horário: 14h

3 – Fórum Parlamentar de Discussão das Demarcações de Terras Indígenas no Norte/Nordeste de Santa Catarina
Local: Plenarinho
Horário: 17h

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Genésio confirma candidatura

O deputado estadual Genésio Goulart (PMDB) não participou da reunião do diretório do partido na sexta-feira (26/6) e nem ficou para a palestra do deputado federal Edinho Bez (PMDB) sobre a reforma política, mas em contato telefônico hoje à tarde confirmou a disposição de disputar a reeleição nas eleições de 2010.

Os membros do partido aguardavam uma conversa sobre o assunto para dar os devidos encaminhamentos, mas o deputado alegou ter outros compromissos.

Na coluna de Álvaro Lopes no Diário do Sul de hoje, o colunista fala sobre possíveis problemas de saúde de Genésio e que o presidente do PMDB em Tubarão, Túlio Zumblick, aguarda por um pronunciamento da família. A decisão do partido deve ser definida somente em fevereiro de 2010.

Profissionais do jornalismo

O presidente do Sindicato dos Jornalistas de SC, Rubens Lunge, vem hoje a Tubarão, para conversar com os estudante do curso de Jornalismo da Unisul e profissionais da área sobre a decisão do STF, que acabou com a exigência do diploma para o exercício da profissão.

Um encontro deste tipo foi realizado na semana passada na Satc, de Criciúma. Lá foi formada uma comissão com jornalistas e estudantes para mobilizar a categoria e sensibilizar a sociedade sobre a importância dos profissionais formados.

Se os jornalistas comparecerem em Tubarão, pretende-se formar comissão semelhantes, caso contrário, será apenas mais um encontro para discutir o indiscutível.

Leia mais em:
Supremo decide que é inconstitucional a exigência de diploma para o exercício do jornalismo

Sessão e depois recesso

Os vereadores de Tubarão realizam hoje a última sessão ordinária do semestre para em seguida iniciarem o recesso do mês de julho. Na ordem do dia está o Projeto de Lei nº 082/2009, do Poder Executivo Municipal, que dispõe sobre o Plano Plurianual do Município para o Quadriênio 2010/2013.

O projeto já foi aprovado em sua primeira votação, no dia 25 de junho, por unanimidade e retorna agora, para a segunda votação.

O trabalhos regulares voltam no dia 3 de agosto, quando serão entregues as Menções Honrosas solicitadas neste primeiro semestre e também a inauguração das reformas em andamento na Casa Legislativa Tubaronense.

Pauta da Assembleia Legislativa para 29/6

Audiência pública do Orçamento Regionalizado
Local: Auditório do Centro Comercial Terra Firme - São José
Horário: 14h

domingo, 28 de junho de 2009

Sobre João Fernandes

A entrevista do vereador Haroldo de Oliveira Silva, o Dura (PSDB), na edição de sábado do Diário do Sul, promete agitar a semana na Câmara de Tubarão. Dura diz que o presidente da casa, João Fernandes (PSDB), não sabia o que significava a sigla do partido, afirma que ele tem prazo de validade e que está ficando narcisista. Fala inclusive que João vai procurar no Google o significado da palavra.

Dura também emitiu opinião sobre o grande número de projetos que estão sendo apresentados na Câmara. Para ele a maioria é cópia.

– Não se mede um bom vereador pela quantidade de projetos, mas sim pela eficiência deles – disse ao entrevistador Matheus Madeira.

Leia mais em:
“João Fernandes tem prazo de validade”

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Campanhas macrorregionais

O secretário de articulação nacional Geraldo Althoff (DEM) não concorda com as campanhas microrregionais em torno de candidatos a deputado estadual. Para ele as campanhas deveriam ser macrorregionais. Althoff, que é um dos articuladores do projeto Prosperidade Sul Catarinense, lembra que a representação política da região na Assembléia Legislativa é atualmente de oito deputados. Na Câmara dos Deputados são três. Se considerarmos somente os representantes da Amurel tem-se um deputado em Brasília e dois em Florianópolis.

– Cada partido tem o direito de lançar um candidato, mas todos tem que entender que as fronteiras da representação podem ser maiores. Por isso é difícil dizer um número aceitável de candidatos – disse para este blog.

Na enquete feita aqui: "Quantos candidatos a deputado estadual a Amurel pode ter?", é possível intepretar a resposta de Althoff como mais que quatro.

A Amurel tem até o momento como pré-candidatos: Genésio Goulart (PMDB) e Joares Ponticelli (PP) que concorrem por uma reeleição, e Carlos Stupp (PSDB), José Nei Ascari (DEM) e Douglas Antunes (PSC) que disputam pela primeira vez. O PT ainda pode ter Olávio Falchetti e assim a conta já chega em seis.

Genésio vai confirmar que é candidato

Na reunião do PMDB de Tubarão, que será realizada logo mais às 20 horas, o deputado estadual Genésio Goulart (PMDB) vai confirmar a intenção de disputar a reeleição para o cargo.

O encontro da noite é de caráter regular do diretório e não tem como único objetivo discutir este tema, mas o partido aguarda pela definição de Genésio para decidir sobre as opções que terá em 2010.

Leia mais em:
Segmentos do PMDB se reúnem nesta sexta-feira

Unisul TV é finalista do Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental

Reportagem da Unisul TV é finalista do Prêmio Fatma de Jornalismo Ambiental. O trabalho que concorre na categoria telejornal foi realizado pelo jornalista Ricardo Dias e já foi vencedor do Prêmio da Associação Nacional dos Transportes Ferroviários (ANTF). A reportagem aborda os vagões de plástico desenvolvidos pela FTC de Tubarão.

Os vencedores serão conhecidos na próxima terça-feira (30/6), em Florianópolis.

Ação popular contra o pedágio de Palhoça

Uma ação popular na justiça deve ser o caminho escolhido para interromper a combrança de pedágio na BR-101, na praça instalada em Palhoça. Este foi um dos encaminhamentos do encontro realizado ontem (25/6) na Associação dos Municípios da Região Carbonífera (Amrec).

A ação deve ser baseada no fato de que o pedágio só poderia entrar em funcionamento após o término das obras, e do trevo de acesso a Palhoça até a praça ainda restam 3,5 km sem duplicação.

O prefeito de Pedras Grandes Antonio Felippe Sobrinho (PMDB) representou a Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel). A Associação Empresarial de Tubarão (Acit) também marcou presença no encontro.

Leia mais em:
Lideranças políticas e empresariais elaboram documento que será entregue ao Ministro dos Transportes

Pauta da Assembleia Legislativa para 26/6

1 – Audiência pública do Orçamento Regionalizado
Local: Auditório da FURB - Blumenau
Horário: 14h

2 – Ciclo de palestras “Reforma Política – Propostas em discussão no Congresso Nacional”
Local: Auditório Antonieta de Barros
Horário: 14h

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Conselho de Desenvolvimento Regional analisa processos

O Conselho de Desenvolvimento Regional (CDR) do Vale do Tubarão estará reunido nesta sexta-feira (26/6) em Capivari de Baixo para analisar dez processos.

Juntas as propostas envolvem valores de mais de R$ 1,5 milhões. O destaque fica com o CTG Cidade Azul de Tubarão que solicita R$ 840 mil para a execução do projeto parque de eventos Santo Anjo da Guarda.

O gerente regional da Fazenda Pedro Hermínio Maria também participa da reunião para falar sobre o Fundo Social.

A assembléia do CDR será às 15 horas no Centro de Convenções da Terceira Idade.

Segmentos do PMDB se reúnem nesta sexta-feira

O deputado federal Edson Bez de Oliveira, o Edinho (PMDB), falará sobre a reforma política no encontro do partido em Tubarão. A reunião será nesta sexta-feira, às 20 horas, e estão convocados para participar os representantes dos subdiretórios e segmentos (PMDB Mulher, Fundação Ulisses Guimarães e JPMDB).

Lei dos bares pode ganhar novo fôlego

Os últimos ajustes na Lei municipal de funcionamento de bares e boates vão ser dados na próxima terça-feira (30/6) quando o Conselho Municipal de Segurança Pública de Tubarão volta a se reunir.

Durante o encontro serão avaliadas as ações do alerta feito para os estabelecimentos comerciais sobre a venda de bebidas alcoólicas para menores de idade.

A situação dos viadutos em Tubarão e o estancamento das ocupações de áreas de risco também vão entrar na pauta da reunião que será realizada no auditório da CDL, às 8h30min.

Municípios discutem pedágio na BR-101

Você já dirigiu numa estrada que tem pedágio? Pois é muito bom. A estrada não tem buracos. Geralmente tem pista dupla e o tráfego flui normalmente. Tem socorro pra qualquer necessidade e realmente é muito bom. Aqui do nosso lado no Rio Grando Sul ou mais adiante no Paraná temos exemplos para conferir. Só que lá os pedágios foram implantados quando as estradas já estavam prontas. Não é este absurdo que está ocorrendo aqui em Santa Catarina. Cobrar pedágio para rodar numa estrada em obras, cheia de buracos, perigosa e sem nenhum serviço para os motoristas é inaceitável. Coisa de um país que não é sério. Está no contrato das concessionárias, mas foi um disparate aprovar isso.

Por que não copiar os bons exemplos. Você já ouviu falar das Autobahns na Alemanha? Lá as auto-estradas são boas, não têm limites de velocidade e não cobram pedágio. No Canadá tem uma rodovia que cobra por quilômetro rodado. Isso mesmo, o motorista paga pelo que roda. Quando o veículo entra na estrada é fotografado. Outra foto é feita quando sai. A conta vai para a casa do motorista pelo correio. E o melhor ainda, se ele não quiser rodar nesta estrada, pode usar a pública que segue bem ao lado da rodovia privada. A qualidade da estrada pública não é diferente da particicular. As duas são boas. A diferença está no tráfego que é bem maior. Mas existe a opção.

Aqui não tem jeito. Tem que pagar o pedágio pois não há alternativas para os motoristas. Na Assembléia Legislativa, os deputados tentam encontrar uma forma de isentar os moradores de Palhoça e de todas as cidades do sul do pagamento do pedágio. Prostestos são realizado e até agora nada.

Hoje em Criciúma, uma reunião vai ser realizada para tratar do assunto. Foram convidados todos os prefeitos do Sul que integram as associações de municípios como Amrec, Amesc e Amurel. O pedágio é lá em Palhoça, mas os nossos representantes devem participar dessa discussão.

É inevitável e irreversível este processo de pedágios e vamos ter algum deles aqui pelo Sul. No projeto inicial da duplicação da 101, quando ela seria financiada pelo BID, estavam previstos pedágios em Maracajá e em Torres. Como o financiamento não saiu, podem mudar os locais, mas é certo que eles vão funcionar. Por isso vale ficar atento para que não ocorra problema igual a este em Palhoça, com um posicionamento indevido e cobrança fora de hora.

Amurel discute hospital regional

Um dos principais assuntos da reunião da Associação dos Municípios da Região de Laguna (Amurel) nesta quinta-feira (25/6) será a construção do hospital regional de alta complexidade. O tema entrou na pauta a pedido da Câmara de Vereadores de Tubarão.

Durante a reunião os prefeitos também vão assistir a apresentação do Projeto/Missão em Visita à Costa Rica de Rolando Coto Varela, Cônsul Honorário da Costa Rica em Santa Catarina.

O assunto do hospital será levado também ao vice-governador, Leonel Pavan (PSDB) em audiência na próxima segunda-feira (29/6).

Ordem do dia da Câmara de Vereadores de Tubarão, 25/6

Os vereadores de Tubarão irão apreciar na Ordem do dia desta quinta-feira, a primeira votação do Plano Plurianual do Município de Tubarão, para o quadriênio 2010/2013. O Projeto de Lei Nº 082/2009 (015/2009 na origem), de autoria do Poder Executivo Municipal, que dispõe sobre o Plano Plurianual do Município para o Quadriênio 2010/2013 e dá outras providências foi registrado na secretaria da Câmara no dia 18 de maio de 2009.

O Plano Plurianual Municipal faz parte dos instrumentos de planejamento de um governo, seja na esfera federal, estadual ou municipal. Realizado a cada quatro anos, o Plano contém metas a serem atingidas pelo Poder Executivo Municipal - incluindo projetos, atividades, financiamentos, incentivos fiscais, normas, entre outros. O PPA tem uma visão em médio prazo do planejamento público, visando a solução de um problema e gerando ações para combatê-lo, atendendo, assim, à demanda da sociedade.

Os membros da Comissão Permanente de Finanças e Orçamento, Vereadores Ivo Stapazzol, Edson José Firmino e Dionísio Bressan Lemos, realizaram reunião no dia 18 de junho, na sede do Poder Legislativo, para discutirem sobre o referido projeto, que será apreciado, nesta quinta, em sua primeira votação.

Com informações da AI/CVT

quarta-feira, 24 de junho de 2009

Portal O Meu Futuro já está no ar

Duas perguntas passam pelas cabeças das pessoas em certo momento da vida. Qual curso escolher na hora de entrar na universidade? O que fazer agora que estou formado?

Pois é mais ou menos a partir destas questões que surgiu o portal O Meu Futuro, lançado esta semana aqui em Tubarão. Um dos empresários que está por trás da iniciativa, Rodrigo Caporal, diz que ideia já tinha uma década, mas que somente no último ano foi viabilizada.

No portal, os internautas podem obter informações sobre os cursos, cidades, áreas de trabalho. Um dos destaques é a ferramenta Meu Mundo, que permite conversar com pessoas de todo o mundo.

PSC é reorganizado em Tubarão

O presidente do PSC de Tubarão fala da reorganização do partido na cidade da articulação para lançar uma candidatura a deputado estadual em 2010

terça-feira, 23 de junho de 2009

Desenvolvimento integrado é a solução

A produção de peixes cresceu muito nos últimos anos na região de Araranguá. Os produtores construíram açudes, investiram, mas na hora de beneficiar a produção e colocar o produto no mercado tiveram dificuldades devido a falta de frigoríficos. Enquanto isso aqui na região de Laguna sobra gelo e espaço.

Já pensaram se o projeto de investimento nessa área fosse integrado?

É mais ou menos essa a ideia de um projeto que foi lançado ontem na S.D.R de Braço do Norte. O Projeto Prosperidade Sul Catarinense. Mas a grande preocupação das pessoas que estiveram lá ontem é de que esta ideia não seja apenas mais uma entra as tantas já lançadas. Bom, e o que este projeto tem de diferente dos outros.

Em primeiro lugar é a união das duas universidades do Sul do Estado. Unisul e Unesc foram convidadas para encabeçar o desafio e aceitaram. Em tempos que se fala de tanta rivalidade, ver as duas universidades juntas é realmente uma grande demonstração de vontade de fazer algo diferente e que ajude o sul do Estado.

Em segundo lugar o projeto não vai apresentar nenhum projeto novo. Como assim, nada de novo? Isso mesmo, a ideia é aproveitar tudo que já foi proposto, pensado e projetado em todos os cantos do Sul do Estado, de forma individualizada e realiza-los, mas agora de forma integrada.

O embrião de toda esta proposta foi lançado ainda no ano passado pelo secretario de articulação nacional, Geraldo Althoff. A ideia foi abraçada pelas universidades, as cinco Secretarias de Desenvolvimento Regional do Sul também se integraram e ainda ganharam o apoio do Grupo RBS.

Cinco seminários regionais vão ser realizados até o mês de novembro. O primeiro vai ser na quinta-feira em Braço do Norte. Depois de listadas as propostas vai ser a hora de arregaçar as mangas e trabalhar para que as ideias saiam do papel.

O Sul tem um dos consumos mais baixos de energia elétrica do Estado, o que significa que nossa força industrial, por exemplo, é muito fraca. Existem uma série de outros indicadores que podem mostrar o quanto nossa região precisa desenvolver e prosperar.

Precisamos melhorar a infra-estrutura, criar empregos com renda significativa, garantir qualidade de vida e sozinhos, cada um por si, fica muito difícil. Só com união é que se vai chegar a algum lugar.

Hipper Freios inaugura filial em Braço do Norte

Localizada em Sangão e instalada em uma área de 80.000 m², com uma área construída de mais de 16.000 m², a Hipper Freios possui uma capacidade de produção superior a 3.000 toneladas de ferro ao mês.

É uma empresa totalmente voltada para a fabricação de sistemas de freios automotivos, com uma das maiores e mais modernas fundição e usinagem do Brasil.

A Hipper funde e usina 100% dos seus produtos, possuindo a maior linha de discos e tambores de freio do mercado brasileiro. Conta também com uma enorme gama de itens voltados para o mercado de exportação.

Hoje, com pouco mais de 7 anos no mercado, a Hipper Freios detém 55% do mercado nacional e exporta para América Latina. Essa conquista deu-se ao fato da mudança de foco de atuação da empresa, que antes era voltada para o ramo de peças para tratores e máquinas em geral.

Agora, a empresa expande ainda mais os seus negócios, com a instalação de uma unidade em Braço do Norte. A unidade trabalhará com a fabricação de pastilhas de freios e o início das atividades está previsto para julho, sem data definida. Durante esta semana, uma equipe estará na cidade para fazer a seleção de profissionais para a área industrial. A unidade terá como sede o antigo galpão da Catarinense Molduras, na Rua José Walterkenter, 24.

Com informações da IdCom

Vice-presidente do PSC Jovem é de Tubarão

O presidente do PSC de Tubarão Douglas Antunes continua sua jornada de tentar ganhar espaço e divulgar a pré-candidatura a deputado estadual em 2010. Ele foi empossado no último sábado, em Balneário Camboriú, como vice-presidente do PSC Jovem. Ele e mais uma comitiva com integrantes do partido em Tubarão participaram do evento.

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Sacolas plásticas x sacolas retornáveis

Muito se fala em preservação ambientas e medidas que diminuam a poluição. Pois você já reparou na quantidade de sacolas plásticas que trazemos para casa logo depois de cada compra? Já reparou também que as campanhas feitas até agora para que as pessoas comprem as sacolas retornáveis não surtiram efeito?

Pois bem, enquanto os supermercados continuarem fornecendo as tais sacolas, pouca gente vai comprar a retornável. Em diversos países, as sacolas passaram a ser cobradas, com isso os consumidores buscaram alternativas.

Aqui em Santa Catarina, surgem informações de que em Xanxerê os supermercados já não mais fornecem as sacolas.

Mas para não ficar só ruim para os consumidores, vai uma sugestão. Que tal os supermercados estipularem um valor 'x' em compras para que o cliente ganhe uma sacola reciclável? Seria um estímulo às vendas e uma forma simpática de agradar o cliente e ajudar o meio ambiente.

quinta-feira, 18 de junho de 2009

ThermoSystem: bom lugar para trabalhar?

Esta é a pergunta que o Guia VOCÊ S/A-EXAME- As Melhores Empresas para Você Trabalhar vai tentar responder. A empresa tubaronense está pré-classificada para a próxima etapa da pesquisa que irá eleger as melhoras empresas do Brasil para se trabalhar.

O ranking da revista é uma espécie de ISO para a gestão de pessoas no Brasil. As empresas eleitas tornam-se referência para o mercado, atr

A ThermoSystem, de Tubarão-SC, teve suas práticas analisadas através de um questionário, englobando quesitos como Estratégia e Gestão, Liderança, Políticas e Práticas e Cidadania Empresarial. A próxima etapa compreende a visita de um jornalista que virá até a empresa para conduzir reuniões com grupos de colaboradores e com o responsável pela área de RH.

Com informações da AI/TS

Vamos mudar?

Por Laudelino José Sardá

Independente das razões que levaram o Supremo Tribunal Federal a dispensar o diploma para o exercício do jornalismo, até porque o Brasil é feito de jurisprudências, entendo que essa decisão é uma advertência para a classe e principalmente para os cursos de comunicação social.

Continuamos, em plena era da instantaneidade da informação, a formar jornalistas como se vivêssemos ainda nos anos 70. Continuo defendendo a tese de que não podemos mais simplesmente formar jornalistas, mas comunicólogos capazes de trabalhar os conteúdos para todos os meios de comunicação e a própria comunicação social.

Estamos tão defasados que os administradores ocupam o papel do jornalista nos trabalhos de comunicação nas empresas.

Mesmo com a decisão do STF, que, aliás, foi equivocada, a menos que também se dispense o diploma do advogado, há espaços – e muitos – para as escolas se reciclarem e as empresas continuarem valorizando os profissionais formados, desde, é claro, que sejam profissionais de vanguarda.

Retrocesso para a sociedade

Por Marco Antonio Mendes

Sempre pensei que em 10, 20 anos, no máximo, teríamos apenas jornalistas formados levando informações para a sociedade. Nossa geração ainda tem muita gente não-graduada atuando porque as universidades de Jornalismo são recentes. Ou seja, até há algumas décadas bastava ter vínculo com a imprensa que o registro poderia ser concedido.

Depois mudou. Apenas graduados (e aqueles que já tinham o registro) poderiam coletar, redigir, editar e publicar informações sobre eventuais assuntos. As universidades se multiplicaram e a categoria começou a se profissionalizar. Sim, considero que apenas são profissionais quem passa pelos bancos das faculdades.

Após o Supremo Tribunal Federal (STF) ter decidido pela não-obrigatoriedade do diploma para o exercício desta profissão, na triste noite de quarta-feira, li em algum grupo de discussão: para ser jornalista, a partir de hoje, basta apresentar a conta de energia e o RG. Seria cômico, não fosse trágico.

A preocupação maior não é com as vagas de trabalho por aí. Mas como as informações chegarão à sociedade. Não é só a prática que faz o jornalista. É preciso teoria, técnica, ética e análise. A união destes elementos forma um excelente profissional.

Em quem a população irá confiar se agora qualquer um pode ter um jornalzinho? Antes das informações serem publicadas elas devem ser apuradas, escritas de forma correta e editadas. Não me surpreenderia ver por aí erros em excesso, deturpação da verdade, a continuidade do amadorismo e a prostituição de serviços prestados. Fatos que ainda acontecem, apesar de serem minoria.

Não exigir formação acadêmica para trabalhar em qualquer setor de qualquer profissão é, sim, um retrocesso. A universidade não só teria que ser obrigatória como deveria haver maior fiscalização da qualidade de ensino.

Os ministros decidiram errado. Disseram que a sociedade não tem direito à liberdade de expressão e isto fica exclusivo aos jornalistas. Puro engano. Todos os veículos de comunicação dão espaço a qualquer pessoa. Basta escrever um artigo. A internet se dissemina de forma assustadora por quê? Porque qualquer um pode escrever o que quiser. Especialistas sempre tiveram espaço em jornais, rádios e televisões, seja em forma de coluna, depoimento em reportagens ou qualquer outro meio. Agora, dedicar-se de forma integral ao jornalismo, cabe apenas a quem se dedicou e estudou para isto.

Com o tempo, a realidade vai aparecer. O futuro de todo um país esteve em jogo nas mãos de apenas oito “ministros”.

Marco Antonio Mendes
Jornalista recém-FORMADO

Reuniões do PP visam fortalecimento para 2010 e 2012

Os encontros realizados pelo Partido Progressista visam as eleições de 2010 e 2012. Partido deve filiar hoje mais de 300 pessoas. Estratégia faz parte da articulação para as campanhas dos candidatos a deputado estadual e federal, respectivamente, Joares Ponticelli e Leodegar Tiscoski e de vereadores em 2012. Ainda este mês o partido ainda organiza reunião para lançar a candidatura de Hugo Biehl ao governo do estado. Saiba mais no vídeo da entrevista com o presidente do PP de Tubarão, o vice-prefeito Felipe Luiz Collaço, o Pepê

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Com diploma ou não, jornalismo é profissão

Para ser jornalista, não é mais necessário ter diploma de jornalista. Está decidido. Não é preciso ter diploma de nada. Não tem volta, está decidido. O STF decidiu assim hoje. De goleada. 8 a 1.

Mas para mim, esse não é o problema. Esta partida já estava perdida havia tempo. Um pouco, por culpa nossa mesmo, dos jornalistas, que há muito achavam que eram especialistas em tudo e deixaram de se especializar. Viraram especialistas de nada e assim os verdadeiros especialistas foram tomando lugar. E a lógica, agora legalizada, será essa. Quem entende de determinado assunto, poderá escrever, falar, reportar sobre esse assunto.

Os jornalistas e nossos sindicatos defenderam o problema errado. Caiu a obrigação do diploma, mas não caíram os direitos trabalhistas, não caiu o Código de Ética da profissão. Por exemplo, está lá no Artº 7: O jornalista não pode:
I - aceitar ou oferecer trabalho remunerado em desacordo com o piso salarial, a carga
horária legal ou tabela fixada por sua entidade de classe, nem contribuir ativa ou
passivamente para a precarização das condições de trabalho.

Está lá, mas os próprios jornalistas deixam de cumprir. Está lá, tudo o que os jornalistas, diplomados ou não, devem fazer. Mas todos nós deixamos de cumprir.

Portanto, não se decepcionem jornalistas, velhos ou jovens, diplomados, recém diplomados ou não. Sempre vai ter lugar para os bons.

Precisamos de jornalistas profissionais e não de amadores. Profissionais que cumpram e respeitem o Código de Ética. O diploma nunca foi e nunca será a garantia deste compromisso. Profissionalismo sim.

PP promete filiar 300 nesta quinta-feira

O Partido Progressista realiza encontro nesta quinta-feira no bairro Humaitá de Cima e a previsão é de filiar mais de 300 novos membros.

A afirmação é do presidente do partido em Tubarão, o vice-prefeito Felipe Luiz Collaço, o Pepê, com base nos dados fornecidos por Laércio Menegaz na final desta tarde (quarta-feira).

Para as próximas semanas, a previsão é de um encontro regional, com a participação do casal Amin (Ângela e Esperidião), para lançar a pré-candidatura ao governo do estado de Hugo Biehl.

Sobre o número de candidatos a deputado estadual que a Amurel deve ter, Pepê acha que a região poderia eleger cinco ou seis, mas deve ficar em três ou quatro.

FTC retoma transporte para o Porto de Imbituba

Com investimentos de R$ 283 milhões em obras de expansão, renovação e aquisição de equipamentos, juntamente com o início das operações de cabotagem no Terminal de Contêineres do Porto de Imbituba (Tecon), a FTC retoma suas atividades neste segmento de carga e efetuou, na terça-feira (16/6), o transporte de cerâmica e arroz até o Porto.

Desde o mês de abril, o Tecon atua no transporte de cabotagem com o armador Aliança Navegação e Logística.

Nesta quarta-feira (17/6), a Mercosul Line inicia suas operações, com três opções de rotas, que conectarão Santa Catarina a Bahia, Pernambuco, Ceará e Manaus. Dois novos navios, com capacidade para 2.500 TEUs estão sendo incorporados à atual frota da empresa.

Com informações da AI/FTC

Bertoncini volta a Brasília

O prefeito de Tubarão Manoel Bertoncini (PSDB) e o chefe de Gabinete, Evaldo Tonelli estarão em Brasília nesta quinta-feira. Na capital Federal, eles visitam o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT) e o Ministério das Cidades.

No DNIT, Manoel Bertoncini vai em busca de recursos para retirada dos trilhos da avenida Marcolino Martins Cabral. Já no Ministério das Cidades, os contatos serão focados no projeto de mobilidade urbana.

- Em agosto, o governo federal vai priorizar iniciativas que facilitem a mobilidade nos centros urbanos. Vou em busca de informações - salienta o prefeito.

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva deu início ao Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) da Mobilidade Urbana em agosto de 2007. Por meio do projeto, serão estabelecidas diretrizes para planejamento, gestão e modernização dos sistemas de mobilidade, incentivando a construção e asfaltamento de vias e ciclovias, o que deve viabilizar uma maior utilização do transporte público nos municípios.

Com informações da Ascom/PMT

Ordem do dia na Câmara de Vereadores de Tubarão

O Legislativo Tubaronense estará reunido nesta quinta-feira, 18 de junho de 2009, realizando mais uma Sessão Legislativa Ordinária, em seu horário regimental das 19 horas. Na Ordem do Dia desta sessão, os Vereadores irão deliberar sobre 17 Projetos de Lei, sendo 16 com origem Legislativa e um originário do Poder Executivo Municipal, a saber:

1. PROJETO DE LEI Nº 033/2009, de autoria do Ver. Evandro Souza de Almeida, que institui a semana de combate a pedofilia no Município de Tubarão e dá outras providências. Este projeto em sua segunda votação.

2. PROJETO DE LEI Nº 045/2009, de autoria do Ver. João Gonçalves Fernandes, que dispõe sobre a afixação nas paradas de ônibus de placas com a indicação do itinerário das linhas de ônibus e adota outras providencias. Este projeto em sua primeira votação.

3. PROJETO DE LEI Nº 050/2009, de autoria do Ver. João Gonçalves Fernandes, que dispõe sobre a obrigatoriedade da substituição de sacolas plásticas convencionais por sacolas oxibiodegrdaveis ou retornáveis nos estabelecimentos comerciais do município de tubarão. Este projeto em sua primeira votação.

4. PROJETO DE LEI Nº 052/2009, de autoria do Ver. João Gonçalves Fernandes, que institui o correio escolar nas escolas publicas do Município de Tubarão. Este projeto em sua primeira votação.

5. PROJETO DE LEI Nº 054/2009, de autoria do Ver. João Gonçalves Fernandes, que dispõe sobre a concessão de beneficio referente à isenção do pagamento de tarifas no sistema de transporte publico coletivo urbano – PASSE LIVRE – concedido às pessoas portadores de deficiências e portadores de doenças renal crônica no município de tubarão. Este projeto em sua primeira votação.
6. PROJETO DE LEI Nº 055/2009, de autoria do Ver. Evandro Souza de Almeida, que concede doa doador de sangue, desconto em eventos da municipalidade, isenção das taxas de concursos públicos e preferências em filas. Este projeto em sua primeira votação.

7. PROJETO DE LEI Nº 060/2009, de autoria do Ver. Maurício da Silva, que altera a lei 2.776/2003, que dispõe sobre a criação do conselho municipal de segurança e dá outras providências. Este projeto em sua primeira votação.

8. PROJETO DE LEI Nº 062/2009, de autoria do Ver. Dionísio Bressan Lemos e André Fretta May, que Dispõe sobre o reconhecimento de utilidade publica da associação tubaronense de Parkinson – ATP. Este projeto em sua primeira votação.

9. PROJETO DE LEI Nº 063/2009, de autoria do Ver. João Gonçalves Fernandes, que determina a cessão de tempo nas sessões dos cinemas para exibição de campanhas sócio-educativas do pode publico municipal. Este projeto em sua primeira votação.

10. PROJETO DE LEI Nº 068/2009, de autoria do Ver. Evandro Souza de Almeida, que dispõe sobre o projeto OAB vai à escola e dá outras providências. Este projeto em sua primeira votação.

11. PROJETO DE LEI Nº 069/2009, de autoria do Ver. Maurício da Silva, que autoriza o poder executivo criar e implantar o programa brincadeira de roda e contos infantis ma rede municipal de ensino publico infantil e fundamental. Este projeto em sua primeira votação.

12. PROJETO DE LEI Nº 071/2009, de autoria do Ver. Geraldo Pereira, que autoriza o poder executivo municipal instituir no calendário oficial o dia municipal da reciclagem. Este projeto em sua primeira votação.

13. PROJETO DE LEI Nº 072/2009, de autoria do Ver. João Gonçalves Fernandes, que determina a criação de um programa continuo de diagnostico e tratamento da depressão pós-parto, na rede publica municipal de saúde, no Município de Tubarão. Este projeto em sua primeira votação.

14. PROJETO DE LEI Nº 073/2009, de autoria do Ver. João Gonçalves Fernandes, que dispõe sobre a atividade de frentista dos postos de gasolina no âmbito do Município de Tubarão. Este projeto em sua primeira votação.

15. PROJETO DE LEI Nº 080/2009, de autoria do Ver. Maurício da Silva, que altera a lei 2.776/2003, que dispõe sobre a utilização do papel reciclado na administração publica municipal. Este projeto em sua primeira votação.

16. PROJETO DE LEI Nº 0118/2009 (018/2009 na origem) de autoria do Poder Executivo Municipal, que autoriza o poder executivo a suplementar dotação orçamentária no valor de R$ 1.289.000,00 (um milhão duzentos e oitenta e nove mil reais). Este projeto em sua primeira votação.

17. PROJETO DE LEI Nº 0119/2009, de autoria do Ver. Jefferson Medeiros Brunato, que proíbe o consumo de cigarros, cigarrilhas, charutos, cachimbos, ou qualquer outro produto fumigeno derivado ou não do tabaco, na forma que especifica e cria ambientes de uso coletivo livres de produtos fumigenos. Este projeto em sua primeira votação.

Ainda nesta quinta-feira, 18 de junho, às 10 horas, os membros da Comissão Permanente de Finanças e Orçamento, sob a presidência do Vereador Dionísio Bressan Lemos, estarão realizando reunião, na sede do Poder Legislativo, para discutir o Projeto de Lei relativo ao Plano Plurianual para o quadriênio 2010/2013 em trâmite na Casa Legislativa Tubaronense. O Presidente da Comissão comunicou, aos Vereadores, que o prazo de emendas ao PPA encerra-se no dia 19 de junho de 2009.

terça-feira, 16 de junho de 2009

Quantos candidatos a Amurel suporta?

Abrimos ontem, aqui no blog, uma enquete para saber o que os leitores acham sobre a quantidade adequada de candidatos a deputado estadual que nossa região deve ter. Até quatro? Mais do que isso? Registre o seu voto na coluna ao lado.

Enquanto isso, vamos sair perguntando por aí para saber o que as pessoas acham. O primeiro foi o presidente do Partido Social Cristão (PSC) de Tubarão, professor Douglas Antunes, que surge como mais um pré-candidato à Assembleia Legislativa. Ele ficou no meio termo e acha que entre quatro e cinco candidatos está de bom tamanho.

Pelo que se fala, já temos quatro candidatos pela Amurel: Genésio Goulart (PMDB) e Joares Ponticelli (PP) tentam a reeleição e Carlos Stupp (PSDB) e Douglas Antunes (PSC) disputam pela primeira vez.

Última Homenagem a Levi Martins

A despedida de Levi Ramos Martins, sepultado esta manhã em Imbituba, foi comovente. Um grande número de pessoas lotaram a missa que emocionou parentes e amigos.

O Prefeito Beto Martins (PSDB) recebeu grande apoio dos presentes, entre eles, o Governador Luiz Henrique da Silveira (PMDB), o Vice-Governador Leonel Pavan (PSDB) e o Presidente da Assembléia Legislativa, Deputado Jorginho Mello (PSDB), que fizeram questão de desmarcar seus compromissos para prestar condolências ao amigo.

Prestaram apoio ao prefeito também os deputados Serafim Venzon (PSDB), Décio Goes (PT) e Joares Ponticelli (PP), além do Presidente do Tribunal de Justiça do Estado, José Carlos Pacheco, o Presidente do BRDE, Dalírio Beber, o Secretário de Estado da Saúde, Dado Cherem (PSDB) e o ex-prefeito de Joinville, Marcos Tebaldi (PSDB).

Da Amurel, também ofereceram solidariedade a família Martins os prefeitos de Capivari de Baixo, Luiz Carlos Brunel (PMDB); de Garopaba, Luiz Carlos Nestor (PMDB); de Imaruí, Amarildo Matos de Souza (DEM), de Laguna, Célio Antônio (PT), de Tubarão o Vice-Prefeito, Pepe Collaço (PP), o Secretário Regional de Laguna, Mauro Candemil (PMDB) e o Diretor Executivo da AMUREL, Jorge Leonardo Nesi.
No momento da missa o Governador Luiz Henrique fez questão de proferir algumas palavras de conforto a família, ao final, pediu uma salva de palmas ao Sr. Levi.

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Morre Levi Martins, aos 68 anos

O pai do prefeito de Imbituba José Roberto Martins (PSDB), o Beto, faleceu nesta segunda-feira no Hospital Nereu Ramos, em Florianópolis. Levi Ramos Martins era tão conhecido na cidade que o filho ficou conhecido no meio político e usou nas campanhas o nome Beto do Levi.

Ele era aposentado como gerente do Banco Bradesco, e teve grande participação na história social e política de Imbituba sendo ainda um dos fundadores da banda The Claytons. Era casado com Alvaci da Rosa Martins há mais de 40 anos, teve três filhos, Edson Martins, José Roberto Martins e Antonio Sérgio Martins.O sepultamento será nesta terça-feira, às 9 horas.

Os saraus de Marta: boa ideia?

A revista IstoÉ desta semana destaca em uma de suas reportagens os saraus políticos que estão sendo organizados pela ex-prefeita de São Paulo, Marta Suplicy (PT). O último deles reuniu mulheres de diversos setores da sociedade (mundo artístico, social e intelectual) para um encontro com a ministra Dilma Roussef, e virtual candidata do PT à sucessão de Lula. Outros já foram realizados para resolver problemas internos do partido.

Mais do que uma boa ideia, os saraus também têm o objetivo de manter Marta no noticiário. Atualmente ela está sem mandato e sem cargo e para quem quer ser candidata a alguma coisa em 2010 as reuniões têm sido a alternativa.

Está aí uma boa ideia para ser copiada por todos os lados. Por aqui o ex-prefeito de Tubarão, Carlos Stupp (PSDB), que pretende ser candidato a deputado estadual em 2010, parece que também tem realizados encontros. A diferença ainda está na divulgação. Os saraus de Marta são abertos para a imprensa.

LEIA MAIS EM:
Os saraus de Marta

domingo, 14 de junho de 2009

EUA ficam sem TV analógica

Desde sábado todas as emissoras de TV nos Estados Unidos estão transmitindo com sinal digital. Para quem tem TV a cabo nada mudou, mas para cerca de 2,8 milhões de lares, acabou a diversão.

Este é o número estimado de lares que ainda não dispõem de aparelhos digitais, TV a cabo ou o set-up box. Para esse pessoal só resta reclamar. As emissoras de TV passaram o fim de semana inteiro recebendo ligações telefônicas de pessoas que não conseguiam mais sintonizar os canais. Outros também ligaram por não conseguirem sintonizar os canais no sistema digital.

Já pensou quando isso acontecer por aqui? Este previsto para 2016. Parece longe, até ainda vai dar para assistir a Copa do Mundo na TV analógica, mas são apenas mais sete anos. Se num país desenvolvido como os EUA ficaram tantos lares assim sem TV, no Brasil a tendência é da situação ser ainda mais tumultuada.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Forcinha para o trabalho da Justiça

Já que tem tanta gente trabalhando no Senado brasileiro, cerca de 10 mil funcionários de acordo com reportagem do Diário Catarinense, bem que podia botar esse pessoal para ajudar o poder judiário a desenrolar mais de dois milhões de processos que estão pendentes.

As horas extras dessa turma ajudariam bastante.

O CNJ (Conselho Nacional de Justiça) assinou esta semana acordos com órgãos do Poder Judiciário com o objetivo de acelerar o julgamento das ações que tramitam na Justiça. Órgãos como AGU (Advocacia Geral da União), STF (Supremo Tribunal Federal) e STJ (Superior Tribunal de Justiça) se comprometeram em trocar informações e dados sobre as ações para dar maior rapidez à tramitação dos processos.

terça-feira, 9 de junho de 2009

Drogas, violência e sociedade

Acho que eu já disse isso por aqui, mas vai de novo. Os últimos assassinatos registrados em Tubarão tinham ligação direta com o tráfico de drogas. Como morreram pessoas envolvidas com o crime, parece que se dá pouca importância.

Quando será que o assunto será tratado com a seriedade que merece? Quando morrer alguém que mora no centro da cidade? Quando morrer alguém de alguma família tradicional da cidade?

Será que enquanto as classes mais baixas estiverem morrendo por causa das drogas ninguém vai fazer nada. Infelizmente as drogas já estão nas casas das famílias de classes mais altas. Estas com recursos, conseguem internar seus filhos em clínicas e é claro, sempre que possível preferem não revelar estes dramas.

Vamos trocar o foco: deixem os latidos de lado e vamos cuidar das armas e seringas.

LEIA MAIS EM:
Cracolândia aqui não!

Drogas na família

O efeito do consumo de drogas nas famílias é destruidor. Imagino que todos saibam disso, mas nunca é demais lembrar. Tempos atrás, acredito eu, convíviamos com o alcoolismo. Situação que ainda persiste mas que agora vem acompanhada de outros elementos.

Maconha, cocaína e o fulminante crack destroem a vida dos usuários e de seus familiares. Ontem, fomos procurados por uma mãe desesperada que viu como alternativa para encontrar um tratamento para o filho, contar o seu drama na televisão.

Dona Solange contou que há duas semanas tem que dar calmantes para o filho para que ele não saia de casa em busca do crack. Era um rapaz de 24 anos, com emprego, mulher e uma filha. Do uso regular de maconha passou para o crack e perdeu a batalha para a droga. Perdeu emprego, esposa e a filha. Sobrou apenas a mãe desesperada em busca de ajuda.

Que pode ajudá-la? Quem se deve procurar num momento desses? Achar um lugar para comprar a droga é bem fácil, agora achar uma vaga numa clínica de recuperação de dependentes é bem mais difícil.

Crise e recessão

Muito se propaga sobre o fato de que a crise mundial não atingirá o Brasil. Sou daqueles que também acreditam que quando se fala muito em coisas ruins, certo ou tarde, elas se tornam realidade. Mas é impossível negar que com a crise que atinge Estados Unidos, China e toda a Europa o nosso país vá sair ileso desta história toda.

Então o que se deve fazer é agir para que os efeitos sejam os menores possíveis. Números baseados em levantamentos do IBGE indicam queda no PIB de 2,4% em 2009, até agora. A indústria registra redução de 15% na produção até abril.

Para o cidade vale a máxima de consumir com responsabilidade. Para a indústria a ordem é reduzir custo e o governo poderia fazer a sua parte com o ajuste fiscal, controle de gastos e todas as outras reformas necessárias.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Tem cachorro demais por aqui

Nos meus tempos de office-boy gostava muito do meu trabalho, assim como sempre gostei das coisas que fiz. Encarava as filas de banco com bom humor, pedalava pelas ruas de Araranguá sempre apressado, mas motivado, aprendi a ser um rápido datilógrafo (atividade que no futuro me ajudou no caminho de ser jornalista) e até os dias de chuva eram tirados de letra.

Só tinha uma coisa entre as minhas atividades que me deixava contrariado: tirar atestado médico para cavalo viajar. Eu explico. O dono da empresa que eu trabalhava também tinha um haras e os seus cavalos eram bons de corrida. Quase toda semana seguia um deles para o Hipódromo do Cristal, em Porto Alegre. Não lembro o nome dos bichos, mas com certeza era algo do tipo Flying South Sky, Cacique Omar, Truculento, Silver Bonapart e outras coisas do gênero. O que eu lembro era que não gostava de tirar os tais atestados médicos para as viagens.

Sei que era uma questão de saúde pública e controle de doenças etc. Mas aquilo me deixava contrariado.

- Tanta gente tendo que pegar fila de madrugada para arrumar uma consulta no INPS (esta história é do tempo do INPS) e eu aqui, esperando um atestado médico para um cavalo viajar - pensava eu com meus botões.

A irritação aumentava quando eu visita o tal haras para levar algum documento, os pagamentos dos funcionários, ou qualquer outra coisa. Os bichinhos lá, nas suas baias, comida na boca, funcionários para lhe prestarem serviços e um veterinário 24 horas por dia à disposição. Sim eles também tinham um veterinário. O nome dele era Geovani, se não me engano. Jovem, recém-formado e muito empolgado com a profissão escolhida. Se o assunto era parto, os olhos dele brilhavam. Uma vez chegou lá no escritório numa fedentina só, comemorando o sucesso de um parto feito lá no haras.

De novo eu pensava:

- Tanta gente sem médico e esses cavalos aí com um só pra eles.

Tudo bem, são coisas da vida. Os cavalos também são filhos de Deus. Além do mais o dinheiro gasto e ganho com os animais, sim lembra o que eu disse lá em cima que eles eram bons de corrida, era do meu patrão. Ele podia fazer o que bem entendesse com ele. Não usava dinheiro público para isso.

Pois aí está o problema do grande número de cachorros em Tubarão. Qualquer pessoa pode ter o seu em casa, desde que seja responsável por eles. A partir do momento que eles passam a ficar espalhados pelas ruas, passam a ser um problema de saúde pública e a solução deve ser a mais prática possível. Nos últimos tempos, temos visto pessoas com dezenas e até centenas de caninos em suas casas pedindo por ajuda para cuidar dos bichos.

O prefeito Manoel Bertoncini prometeu durante a campanha resolver o problema. Prometeu até para a filha que iria dar um jeito. Mas o jeito senhor prefeito deve ser bem barato. Gastar o que andam dizendo que vão gastar (entre 40 e 60 mil por mês) é muito dinheiro.

Um município só pode gastar isso por mês se antes não tiver nenhuma criança fora da escola e passando fome, nenhum idoso desamparado, nenhum doente sem remédio. Sei lá, manter um canil municipal deve ser a prioridade número 1.342 na minha lista.

Tome exemplos de lugares onde a coisa funciona. Esterilize todos os animais de ruas. Exija licença para todos aqueles que têm donos e faça com que eles mantenham estes animais bem cuidados. Divida a conta com quem realmente tem responsabilidade pelos animais.

Publicado também no Jornal de Bairro

Categories

A Hora do Voto Acit Ada De Luca Aeroporto Regional Sul Alesc Amurel Arena Multiuso Armazém BR-101 Braço do Norte Brasília Câmara Capivari de Baixo Câmara de Braço do Norte Câmara de Criciúma Câmara de Grão-Pará Câmara de Gravatal Câmara de Imaruí Câmara de Imbituba Câmara de Jaguaruna Câmara de Laguna Câmara de Sangão Câmara de São Martinho Câmara de Tubarão Câmara dos Deputados Capivari de Baixo Carlos Stüpp CDL CDR Charge Debates DEM Deputados Desenvolvimento Diário do Sul Dilma Roussef DNIT Economia Edinho Bez Educação Eleições 1982 Eleições 1986 Eleições 1989 Eleições 1992 Eleições 1996 Eleições 1998 Eleições 2000 Eleições 2002 Eleições 2004 Eleições 2006 Eleições 2008 Eleições 2010 Eleições 2012 Eleições 2014 Facisc Governo Estadual Gravatal Imaruí Imbituba Impostos Indústria e Comércio IPTU Jaguaruna JBGuedes Joares Ponticelli Jorge Boeira José Nei Ascari Justiça Justiça Eleitoral Laguna Leis Meio Ambiente Obras Olávio Falchetti Partidos PCB PCdoB PCO PDS PDT Pedras Grandes PEN Pepê Collaço Pesca Pescaria Brava Pesquisas PHS PL PMDB PMDB Mulher PMN Política Porto de Imbituba PP PPA PPB PPL PPS PR PRB Prefeitos Prefeitura de Capivari de Baixo Prefeitura de Gravatal Prefeitura de Jaguaruna Prefeitura de Laguna Prefeitura de São Martinho Prefeitura de Tubarão Prefeituras Presídio Prona Propaganda partidária PRP PRTB PSB PSC PSD PSDB PSDC PSL PSOL PSPB PSTU PT PTB PTC PTdoB PTN PV Raimundo Colombo Rede Sustentabilidade Reforma Administrativa Reforma Eleitoral Reforma Política Reforma Tributária Reforma Universitária Rhumor Rio Tubarão Rizicultura Salários Saúde SDR de Braço do Norte SDR de Laguna SDR de Tubarão SDRs Segurança Senado Senadores Sociedade STF TCE TJ-SC Trânsito TRE Treze de Maio TSE Tubarão Turismo Unisul Unisul TV Vereadores