quinta-feira, 25 de agosto de 2016

Restrições de propaganda em Laguna

A propaganda eleitoral no Centro Histórico e praias de Laguna está bem restrita nestas eleições. O juiz eleitoral Paulo da Silva Filho publicou uma portaria onde determina uma série de limitações aos candidatos. A decisão é baseada nas peculiaridades e características do município.

Entre as restrições estão a proibição de propaganda eleitoral entre as oito da manhã e seis da tarde em áreas como a Fonte da Carioca, Hospital, Praça Gerônimo Coelho e ruas do entorno do Museu Anita Garibaldi e ruas Voluntário da Pátria e Osvado Aranha.

Carreatas, passeatas e caminhadas só vão ser permitidas desde que o fluxo de movimento não seja interrompido, ou seja, é impossível fazer isso sem causar algum transtorno.

A propaganda eleitoral também está proibida nas praias, dunas e entorno da lagoa no âmbito da 20ª Zona Eleitoral, e que daí também envolve o município de Pescaria Brava.

O juiz também estabeleceu limitações de distâncias nas esquinas e pontos de ônibus. Definitivamente ele não quer que a campanha atrapalhe a vida do cidadão. O problema é fiscalizar tudo isso.

Continue lendo...

Tática do Rosinha

Na esfera da justiça eleitoral de Laguna, o candidato do PMN, Ronaldo Rosinha, aposta na mesma tática utilizada em 2012 quando foi candidato pelo PHS e obteve 434 votos. Tenta impugnar todos os adversários para assim ser o único em condições de ser eleito. Não deu certo há quatro anos, mas ele já deu entrada com pedidos de impugnação do candidato do PP Samir do Kilojão e do vice do PSDB Nazil e promete entrar com pedidos contra Tanara Cidade do PT e contra Renato Borges do PSC.

Continue lendo...

Consulta após o debate

A primeira pesquisa eleitoral sobre a intenção de voto dos tubaronenses saiu nesta quinta-feira, 25/8. A consulta encomendada pelo Jornal Noticom, junto a Alô-Brasil Pesquisas, foi elaborada na última segunda, terça e quarta-feira, portanto deve ter medido a reação dos eleitores também após o primeiro debate realizado na segunda. Na consulta estimulada, aquela em que o nome dos candidatos é apresentado, Carlos Stüpp (PSDB) aparece em primeiro com 34%, seguido por Joares Ponticelli (PP) com 22%, Olavio (PT) com 16% e Edi da Farmácia (PSC) com quase 8%. Indecisos, brancos e nulos somam 19%. Como não se publicou nenhuma pesquisa antes do início da campanha fica difícil avaliar se alguem subiu ou desceu, mas é certo dizer que a disputa promete.

Continue lendo...

Eleições 2016: Marciano (PSD) é candidato a prefeito de Pescaria Brava

Continue lendo...

Google+ Followers

Seguidores

Twitter







Recent Visitors